Anestesia inalatória em cães e gatos: vantagens e desvantagens

A anestesia inalatória é a técnica de introdução de um agente anestésico por via respiratória através de vaporização

Anestesia inalatória em cães e gatos: vantagens e desvantagens

A anestesia inalatória é a técnica de introdução de um agente anestésico por via respiratória através de vaporização. “Após a absorção pelo pulmão, o agente alcança a corrente sanguínea e chega até o sistema nervoso central, local em que produz o efeito desejado”, explica o Professor Luís Eugênio Franklin Augusto, do VET Profissional.

As principais vantagens da anestesia inalatória são:


- Segurança: trata-se de técnica segura para a manutenção do paciente durante procedimentos cirúrgicos.
- Ausência de fatores limitantes: idade, frequência cardíaca, doenças renais, doenças hepáticas não se constituem fatores limitantes para a realização da anestesia inalatória.
- Rápida recuperação: após encerrar o fornecimento do agente anestésico, o paciente apresenta rápida recuperação do efeito da anestesia.
- Fator econômico: o fornecimento de anestesia inalatória se dá por meio de aparelho específico que pode representar um custo elevado para o médico veterinário.

As principais desvantagens são:


- Investimento: é necessário investimento inicial no aparelho que possibilita a realização da técnica.
- Controle: o anestesista precisa estar presente durante todo o procedimento cirúrgico para controle refinado da quantidade de anestésico a ser administrada no paciente.

Aprenda mais sobre o assunto na disciplina - Anestesia Inalatória em Pequenos Animais - disponível na Área VET Profissional, a mais moderna ferramenta de capacitação para médicos veterinários e estudantes de veterinária disponível no mercado, com a qual você obterá todos os conhecimentos necessários para garantir o bem-estar dos animais e alcançar êxito em sua profissão.

Receba Mais Informações