Antibióticos errados fazem aves criarem resistência às doenças respiratórias

A utilização errônea e o uso frequente de antibióticos na criação avícola fizeram com que, com o passar do tempo, os galináceos desenvolvessem resistências microbianas às bactérias

Antibióticos errados fazem aves criarem resistência às doenças respiratórias   VetProfissional

A utilização errônea e o uso frequente de antibióticos na criação avícola fizeram com que, com o passar do tempo, os galináceos desenvolvessem resistências microbianas às bactérias causadoras de doenças respiratórias recorrentes, explica Marcelo Dias, Professor do VetProfissional.

Por isso, o Ministério da Agricultura Pecuária e Desenvolvimento (MAPA) passou a realizar o monitoramento do uso de antibióticos na produção avícola brasileira, principalmente em produções dedicadas ao mercado externo. Em diversos países, há uma série de restrições ao consumo de aves que foram medicadas com antibióticos.

O médico veterinário deve buscar conhecer outros tipos de soluções e alternativas inovadoras ao uso recorrente de antibióticos no plantel. Um bom exemplo é o uso de prebióticos na criação de frangos.

Aprenda mais sobre Antibióticos x exportação x resistência, na disciplina Doenças Bacterianas Respiratórias: Micoplasmose, Pasteurelose e Coriza disponível no VetProfissonal, a mais moderna ferramenta de capacitação para médicos veterinários e estudantes de veterinária disponível no mercado, com a qual você obterá todos os conhecimentos necessários para garantir o bem-estar dos animais e alcançar êxito em sua profissão.

Receba Mais Informações