Coliformes fecais na água? O que significa?

Coliformes fecais são indicadores de presença de microrganismos patogênicos na água. Os coliformes fecais existem em grande quantidade em fezes humanas e animais

Coliformes fecais na água? O que significa?

São indicadores de presença de microrganismos patogênicos na água. “Os coliformes fecais existem em grande quantidade em fezes humanas e animais e, quando encontrados na água, sugerem que essa pode ter sido contaminada com fezes ou dejetos”, explica Marcelo Dias da Silva, Médico Veterinário e Professor do VET Profissional, Mestre em Agroquímica e Doutor em Zootecnia.

Conheça agora as duas análises do teste de coliformes fecais:

- Coliformes totais: microrganismos presentes naturalmente no solo. A presença desses microrganismos não significa, necessariamente, contaminação com dejetos animais ou humanos. Por isso, é importante o teste laboratorial para diferenciar os coliformes encontrados na água.

- Coliformes fecais: atualmente chamados de coliformes termotolerantes, são bactérias que estão presentes em grandes quantidades no intestino dos animais de sangue quente. A presença de coliformes termotolerantes indica que a água apresenta contaminação fecal.

Incluem-se entre os coliformes frequentemente encontrados em águas impróprias os gêneros bacterianos Escherichia e Klebsiella. As bactérias coliformes são gram-negativas manchadas, possuem hastes não esporuladas.

Essas bactérias são, muitas vezes, utilizadas como indicadores da qualidade sanitária da água e não representam, por si só, um perigo para a saúde servindo antes como indicadores da presença de outros organismos causadores de problemas para a saúde.

Os resultados dos testes são expressos em números de coliformes por 100 mL de amostra de água; pelo “número mais provável” (NMP) obtido através de estudos estatísticos. A combinação dos resultados positivos e negativos é usada na determinação do NMP. Esse número representa a quantidade mais provável de coliformes existentes em 100 mL de água da amostra.

A denominação de “coliformes a 45°C” é equivalente à denominação de “coliformes de origem fecal” e de “coliformes termotolerantes”. Caso seja determinada, a presença de Escherichia coli deve constar no laudo analítico.

O exame de coliforme é recomendado para o controle de sistemas de abastecimento de água, e, em particular, controle da eficiência do tratamento.

A presença de coliformes na água indica poluição com o risco potencial da presença de organismos patogênicos e sua ausência é evidência de uma água bacteriologicamente potável.


Aprenda mais sobre esse assunto na área Saneamento e Zoonoses do VET Profissional, com o Prof. Dr. Marcelo Dias da Silva, Doutor em Zootecnia pela Universidade Federal de Viçosa e Mestre em Agroquímica também pela Universidade Federal de Viçosa. O VET Profissional é a plataforma de aperfeiçoamento mais completa para Médicos Veterinários e estudantes de Veterinária, com milhares de vídeos e centenas de livros digitais, para aprender rápido e salvar mais vidas. Tenha acesso ilimitado a centenas de aulas práticas, cursos online, casos clínicos e casos cirúrgicos na palma da sua mão!

Receba Mais Informações