Conheça como se dá a sexagem de aves de linhagens comerciais

Para a avicultura industrial, a sexagem é um procedimento essencial que deve ser realizado ainda no incubatório

Galinhas

Na criação de aves de corte, fêmeas e machos são manejados separadamente, pois elas ficam prontas primeiro para abate, ganhando muita gordura indesejável na carcaça caso fiquem o mesmo tempo que eles nos galpões. Já na criação de aves de postura, apenas as galinhas são usadas, de modo que os machos são descartados. Assim, fica evidente que, para a avicultura industrial, a sexagem é um procedimento essencial que deve ser realizado ainda no incubatório.

Contudo, identificar o sexo dos pintinhos de um dia não é algo tão simples, pois eles não apresentam órgãos reprodutores externos definidos. O método clássico de sexagem pela visualização da cloaca é algo que apenas profissionais especializados conseguem realizar com precisão, mas o valor dessa mão de obra qualificada costuma ser alto demais para os produtores.

Para resolver esse impasse, graças às pesquisas na área de melhoramento genético, foram desenvolvidas raças autossexáveis cujos filhotes apresentam características distintas de acordo com o gênero, facilitando a separação no incubatório. Desse modo, as diferenças apresentadas são:


  • Aves de postura: nos filhotes de galinhas vermelhas, os machos nascem com as penas mais claras e as fêmeas são predominantemente marrons. Costumam, também, as fêmeas apresentarem duas ou mais listras escuras ao longo do corpo, enquanto os machos apresentam apenas uma ou nenhuma. Além disso, em galinhas carijós, os machos são pretos com pintas brancas na cabeça e as fêmeas, totalmente pretas.
  • Aves de corte: está nas asas a principal diferença apresentada pelas linhagens comerciais de aves de corte. Enquanto nas asas das fêmeas as penas de voo primárias são claramente maiores que as penas de cobertura, nos machos de até três dias, essa diferenciação não ocorre, sendo todas basicamente do mesmo tamanho.

Empiricamente, alguns pesquisadores têm observado, ainda, que machos apresentam penas de voo primárias maiores que as secundárias e terciárias, ao passo que as fêmeas possuem penas de voo todas do mesmo tamanho. Entretanto, essa forma de sexagem ainda não possui embasamento científico, sendo adotadas em algumas propriedades por conta e risco dos criadores.

Aprenda mais sobre sexagem de aves na disciplina Aves Domésticas – Produção e Principais Doenças disponível no VetProfissonal, a mais moderna ferramenta de capacitação para médicos veterinários e estudantes de veterinária disponível no mercado, com a qual você obterá todos os conhecimentos necessários para garantir o bem-estar dos animais e alcançar êxito em sua profissão.

Receba Mais Informações