Córnea, esclera e limbo: o que saber sobre isso?

Córnea e esclera formam a camada fibrosa do olho. O limbo é a transição entre a córnea e a esclera

Córnea, esclera e limbo: o que saber sobre isso?   Artigos VetProfissional

Córnea e esclera formam a camada fibrosa do olho. O que torna a córnea transparente e a esclera branca são os tipos de colágenos atuantes, as disposições de suas fibras e as vascularizações. O limbo é a transição entre a córnea e a esclera. “Nesta região são encontradas inúmeras células-tronco que se multiplicam em ceratócitos que caminham no sentido da córnea, levando as células que se renovarão”, explica Kelly Pontes, professora do VetProfissional.

Particularidades da córnea:


• É lisa, avascular e transparente.
• Não possui pigmento e vasos sanguíneos.
• É nutrida pelo filme lacrimal e pelo humor aquoso (líquido que preenche o olho).
• Possui controle do conteúdo aquoso

As fibras colágenas possuem uma orientação equidistante, ou seja, a distância entre uma fibra colágena e outra é exatamente igual, o que faz com que a córnea seja transparente.

Aprenda mais sobreAnatomia e Fisiologia Oftálmica na disciplina Princípios da Ultrassonografia, disponível no VetProfissonal, a mais moderna ferramenta de capacitação para médicos veterinários e estudantes de veterinária disponível no mercado, com a qual você obterá todos os conhecimentos necessários para garantir o bem-estar dos animais e alcançar êxito em sua profissão.

Receba Mais Informações