Cuidados pré-gestação para a segurança de gatas, cadelas e filhotes

Alguns cuidados, nem sempre observados, devem ser tomados antes mesmo do acasalamento e podem prevenir problemas de alto risco para os filhotes

Cadela e seu filhote

A importância de um acompanhamento médico adequado durante a gestação de gatas e cadelas não é mais segredo para os tutores, de modo que são cada vez mais frequentes as pacientes prenhas e os neonatos nas clínicas e hospitais veterinários. Entretanto, existem alguns cuidados nem sempre observados que devem ser tomados antes mesmo do acasalamento e que podem prevenir problemas de alto risco para os filhotes.

O primeiro, e talvez o mais ignorado pelos tutores, é a escolha correta do reprodutor. O desejo de obter filhotes bonitos e de raça pura muitas vezes atropela a observação de doenças congênitas que podem ser confundidas com problemas eventuais ocorridos durante a vida do animal. Assim, ignorar o histórico clínico dos reprodutores pode, consequentemente, gerar filhotes com deficiências físicas e problemas de saúde sérios.

Também, antes da procriação, é necessário realizar o exame físico das reprodutoras, o qual consiste em analisar a idade do animal, avaliar as condições dos ossos pélvicos e buscar por anormalidades vaginais e uterinas. Esse passo é importante, pois tumores e problemas ósseos não identificados previamente podem ocasionar complicações no momento do parto.

Outro ponto fundamental é a realização da sorologia. Em gatos, doenças como FIV e FeLV são transmissíveis da mãe para o filhote e, em relação aos cães, a cinomose e parvovirose podem levar o recém-nascido a óbito. Por fim, a avaliação renal e hepáticas das reprodutoras não pode ser deixada de lado, pois problemas nos rins e fígado inviabilizam que a fêmea seja colocada para reprodução.


Aprenda mais sobre esse assunto na área Clínica Médica de Cães e Gatos do VET Profissional, com o Prof. M.e Gustavo Carvalho Cobucci, Mestre em Clínica Médica e Cirúrgica de Cães e Gatos pela Universidade Federal de Viçosa e com o Prof. Dr. Rodrigo Horta, Mestre pela UFMG em Avaliação da Nocicepção, complicações pós-operatórias e impacto na qualidade de vida em técnicas de mastectomia na espécie canina. Doutorado sanduíche pela UFMG e na University of Cambridge, Inglaterra, em Propostas terapêuticas para o mastocitoma canino. O VET Profissional é a plataforma de aperfeiçoamento mais completa para Médicos Veterinários e estudantes de Veterinária, com milhares de vídeos e centenas de livros digitais, para aprender rápido e salvar mais vidas. Tenha acesso ilimitado a centenas de aulas práticas, cursos online, casos clínicos e casos cirúrgicos na palma da sua mão!

Receba Mais Informações