Descorna em animais domésticos: quais as técnicas utilizadas para esse procedimento?

Descorna é a amputação do corno. Em animais jovens, esse procedimento é popularmente conhecida como “mochação”

Descorna em animais domésticos: quais as técnicas utilizadas para esse procedimento?

A descorna é um procedimento simples, utilizada em bovinos, ovinos e caprinos, que visa remover ou evitar o surgimento dos cornos, vulgarmente conhecidos como chifres. Por ser frequentemente realizado por leigos em propriedades rurais, pode trazer complicações para os animais.

Por isso, é fundamental que o médico veterinário conheça a técnica cirúrgica que envolve: analgesia, assepsia, hemostasia. Desse modo, reduz-se os riscos de complicações”, explica Samuel Pereira Simonato, Médico Veterinário e Professor do VET Profissional, que é Mestre em Medicina Veterinária.

Os objetivos da descorna são variados, podendo essa técnica ser utilizada para facilitar o manejo; reduzir a agressividade e a competição dos animais; reduzir traumas: com pessoas e com outros animais, como danos à carcaça do plantel; estética; fraturas de corno; úlceras de contato que ocorrem, principalmente, com animais da raça Gir.


As técnicas utilizadas para a descorna são descritas a seguir:

Cauterização com pastas cáusticas:

Para essa técnica é utilizado o Hidróxido de sódio (NaOH) ou Hidróxido de potássio (KOH). A cauterização com pasta cáustica é realizada em animais com até sete dias de vida, sendo necessário tomar cuidado para que a pasta não escorra para os olhos dos animais.

Cauterização com ferro incandescente:

Essa técnica é realizada em animais jovens, com 15 dias a quatro meses de idade. É importante respeitar a faixa etária para a realização da descorna, pois, após os quatro meses de idade, inicia-se a comunicação do seio frontal com o corno.

Descorna cirúrgica:

Técnica indicada para animais acima de 6 meses. É considerada a última opção, pois é mais estressante para o animal, que fica sujeito a complicações; para o médico veterinário; e também para o proprietário, que fica responsável pelo pós-operatório.


Aprenda mais sobre esse assunto na área Cirurgia de Grandes Animais do VET Profissional, com o Prof. M. Samuel Pereira Simonato, Mestre em Medicina Veterinária pela Universidade Federal de Viçosa (UFV). O VET Profissional é a plataforma de aperfeiçoamento mais completa para Médicos Veterinários e estudantes de Veterinária, com milhares de vídeos e centenas de livros digitais, para aprender rápido e salvar mais vidas. Tenha acesso ilimitado a centenas de aulas práticas, cursos online, casos clínicos e casos cirúrgicos na palma da sua mão!

Receba Mais Informações