Guias de Capacitação do Veterinários. Clique e baixe!

Resultados da busca para "anatomia veterinaria"

Veterinário, conheça as subdivisões da Anatomia Animal

A anatomia é um ramo da biologia que estuda as formas e estruturas que compõem o corpo do animal e as correlaciona com as funções do corpo do mesmo. Inicialmente, a anatomia era simplesmente descritiva, utilizando bisturis e pinças, fazendo a separação das estruturas e sua descrição. Com o desenvolvimento da ciência anatômica, surgiu a necessidade de subdividi-la. Uma delas, dentre as várias divisões da anatomia animal, é a anatomia macroscópica, que é a anatomia em si, a descrição das estruturas a olho nu.

Saiba mais

Anatomia dos tetos mamários de vacas leiteiras

A forma e posição dos tetos de uma vaca influenciam na facilidade da ordenha. “A superfície dos tetos apresenta uma pele fina e a parede dos tetos é formada por diversas fibras musculares lisas pelas quais circula extenso volume de sangue”, explica Paolo Vivenza, professor do VET Profissional. Observe, na imagem, as estruturas que compõem a anatomia dos tetos:

Saiba mais

Sr. Veterinário, conheça as principais funções das pálpebras oculares

Precisando avaliar os olhos de algum animal sob seus cuidados? A primeira dica para que isto seja realizado de forma correta é conhecer a anatomia e a fisiologia oftálmica, a começar pelas pálpebras e suas funções. As principais funções das pálpebras são: • Proteção: contra agressões externas, corpos estranhos, dentre outros. • Filme lacrimal: produção de mucina e lipídios. • Ato de piscar, promovendo:

Saiba mais

Anatomia sistemática da boca de animais: conheça as funções dos lábios e da bochecha dos animais domésticos

O aparelho digestório se inicia pela boca. A cavidade oral possui estruturas necessárias para apreensão, mastigação e deglutição do alimento ingerido. “A maioria das espécies de animais utilizam os lábios para realiza a apreensão e seleção dos alimentos”, explica Marcelo Lopes de Santana, professor do VET Profissional.

Saiba mais

Faringe dos animais: vamos conhecer essa estrutura?

A faringe é a porção do aparelho digestório responsável pelo controle da passagem de ar e de alimento.

Saiba mais

Cirurgia veterinária: a sutura

Kelly Cristine de Sousa Pontes, Médica Veterinária e professora do VET Profissional, que é Mestre e Doutora em Oftalmologia Veterinária, afirma que "para realizar a sutura de animais, é preciso conhecer as técnicas necessárias para esse procedimento, bem como os fios utilizados e outras informações essenciais para o sucesso do procedimento".

Saiba mais

Cirurgias veterinárias intestinais: enterotomia, enterectomia e enteroanastomose

Depois de conhecer a uretrostomia, apresentamos três novos tipos de cirurgia no intestino de animais: a enterotomia, a enterectomia e a enteroanastomose. A princípio os nomes podem parecer difíceis, mas elas dizem respeito a procedimentos relativamente simples para o médico veterinário e que, de certa forma, se complementam.

Saiba mais

Cirurgia veterinária: impactação e abscedação do Saco Anal

A estrutura chamada de saco anal está presente em todos os cães e gatos e cada um possui duas dessas estruturas. Não são visíveis externamente e ficam localizadas na lateral do ânus desses animais. Formando uma espécie de bolsa, dentro de cada saco há duas glândulas, denominadas adanais ou glândulas do saco anal.

Saiba mais

Anestesia veterinária - pré e pós-cirurgia

A anestesia é um procedimento necessário em clínicas veterinárias. Não só para intervenções cirúrgicas, como também para alguns tratamentos simples, como a limpeza de dentes. Além de minimizar a dor, ela é fundamental também porque muitos animais não conseguem ficar quietos por muito tempo.

Saiba mais

O que é Neonatologia Veterinária?

Dentro da medicina veterinária são vários os ramos em que o médico veterinário pode se especializar. Pediatria e especialização em equinos, são algumas dessas especializações. Assim como para nós, humanos, também existe uma especialização veterinária que cuida da mãe e observa o comportamento da ninhada: a Neonatologia Veterinária.

Saiba mais

Medicina veterinária? Apresento-lhe a Orquiectomia, vulgo castração!

A orquiectomia, popularmente conhecida como castração, consiste no procedimento cirúrgico de remoção da gônada do animal e de alguns de seus anexos. Trata-se de uma cirurgia realizada com grande frequência, principalmente na espécie equina, e é uma das causas mais comuns de processos legais contra veterinários nos Estados Unidos, devido a erros de conduta e falhas na aplicação da técnica.

Saiba mais

Hérnia umbilical em potros? Conheça a Herniorrafia!

O procedimento de herniorrafia em potros é realizado sempre que o animal jovem ou recém-nascido apresenta a patologia de hérnia umbilical. Esta, por sua vez, ocorre devido a ausência de fechamento adequado da musculatura abdominal ventral. Essa má formação propicia o desenvolvimento de um ponto anatomicamente frágil no corpo do potro, permitindo a passagem do conteúdo oriundo da cavidade abdominal para o espaço subcutâneo.

Saiba mais

Veterinário de aves domésticas? Quais aspectos avaliar em granjas com problemas?

O veterinário de aves domésticas será solicitado à granja sempre que o granjeiro ou proprietário perceber algum problema com os animais. No primeiro contato, já é importante que o profissional comece a traçar o histórico, ou anamnese, do animal, verificando todas as características das aves e as condições a que são submetidas, como idade, alimentação, vacinação, condições das instalações granjeiras, qual o quadro suspeito e quando começou a sua observação, entre outros. É necessário que tudo seja devidamente anotado em fichas próprias.

Saiba mais

Necropsia: características anatômicas e fisiológicas das aves

O estudo das características anatômicas e fisiológicas das aves se torna importante devido aos impactos que todas as peculiaridades têm, tanto sobre a parte clínica quanto sobre a produção desses animais. “A necropsia objetiva demonstrar as técnicas mais comuns na avicultura e apresentar as características físicas e anatômicas dessa categoria animal”,

Saiba mais

Medula espinhal: ponto-chave na fisioterapia veterinária

A medula espinhal é de suma importância na fisioterapia veterinária, pois os traumas e doenças medulares são causas frequentes de proprietários buscarem a ajuda de um fisiatra. “Os comandos principais de movimentos do animal que passam por toda a medula espinhal são chamados neurônios motores”, afirma Ana Carolina Silva Faria, professora do VET Profissional.

Saiba mais

Sr. Veterinário, saiba mais sobre a farmacologia veterinária

A farmacologia veterinária, assim como toda a farmacologia, possui origem grega - Pharmakon (droga). "Ela foi reconhecida como ciência no fim do século XIX, iniciando-se assim os estudos através das separações das moléculas extraídas das plantas para a formação dos princípios ativos", explica Profa. Waleska Dantas, do VET Profissional.

Saiba mais

Farmacocinética veterinária: como ocorre a absorção dos medicamentos?

“A farmacocinética estuda o caminho percorrido pelos medicamentos no organismo animal. Este caminho se inicia com a absorção da droga, a depender da via de administração”, explica Waleska de Melo, professora do VET Profissional.

Saiba mais

Histologia: qual a importância dessa disciplina para a Medicina Veterinária?

Uma das competências do médico veterinário é dar diagnósticos, procedimento que nem sempre envolve lesões e doenças. “Após uma análise, identificar que no órgão ou tecido não há alterações microscópicas também é uma forma de diagnosticar um paciente e é a histologia que fornece conhecimento para que o profissional consiga fazer esse tipo de verificação”, explica Rosyane Souza Cruzeiro, professora do VET Profissional.

Saiba mais

Saúde pública e a medicina veterinária: qual a ligação?

A saúde pública é o campo do saber e de práticas que considera a saúde um fenômeno social e, por isso, de interesse público. É também tecnológica e busca intervir visando evitar doenças, prolongar a vida e desenvolver a saúde.

Saiba mais

Parasitologia veterinária: como os parasitas se disseminam?

“Essas zoonoses, como enfermidades naturalmente transmissíveis entre os animais e o homem, representam uma importante ameaça à saúde e ao bem-estar da população”, explica a professora Mariana Costa, do VET Profissional.

Saiba mais

Malassezia: você conhece esse fungo de importância veterinária?

Malassezia é uma levedura unicelular, com formato ovoide a globoso, reprodução assexuada, brotamentos unipolares de base larga (sua morfologia aparenta uma pegada de sapato).

Saiba mais

Fêmeas equinas: conheça 7 sinais clínicos de alterações no sistema reprodutor das éguas

O sistema reprodutor tem a importante função de garantir a perpetuação das espécies por meio da gestação. “Quando se trata de fêmeas equinas, o conhecimento da anatomia desse sistema é indispensável para conseguir identificar anormalidades ao executar a palpação retal no exame físico”, explica Kelly Cristine de Sousa Pontes, Médica Veterinária e professora do VET Profissional, Pós-doutora em Medicina, na área de Oftalmologia e Oncologia e Doutora em Cirúrgicas e Anestésicas Aplicadas aos Animais.

Saiba mais

Interação medicamentosa na veterinária: entenda como ocorre esse evento

“A interação medicamentosa é quando existe a necessidade da utilização de dois ou mais fármacos juntos dentro de um mesmo composto (medicamento) ou quando se precisa utilizar dois grupos de medicamentos diferentes ou ainda dois medicamentos de um mesmo grupo farmacológico”, explica Waleska de Melo Ferreira Dantas, professora do VET Profissional, Mestre em Medicina Veterinária e Doutora em Patologia Clínica Animal.

Saiba mais

Crioterapia na oftalmologia veterinária: entenda quando pode ser utilizada

A crioterapia, técnica que utiliza gelo, é aplicada na oftalmologia veterinária para corrigir anormalidades ciliares, destruindo os folículos problemáticos.

Saiba mais

Necropsia de bovinos a campo: como iniciar esse procedimento?

Para realização da necropsia, são utilizadas técnicas específicas de exames. No entanto, antes de iniciar os exames propriamente ditos, deve ser feito o levantamento do histórico clínico do animal, também conhecido como perinecropsia.

Saiba mais

Osso coxal: conheça essa porção da pelve óssea de animais

A pelve, formada pelos ossos coxal, sacro e as primeiras vértebras coccígeas é a porção final do tronco, onde se fixam os membros pélvicos e a cauda. O osso coxal é constituído pela fusão de três ossos: ílio, ísquio e púbis.

Saiba mais

Necropsia em gatos: como fazer a avaliação das mucosas?

Na necropsia é feita uma análise detalhada do cadáver, tanto na parte externa como interna. O exame externo nada mais é que uma avaliação detalhada da superfície do cadáver. Trata-se da primeira fase da necropsia em que informações relevantes são coletadas para elucidar a causa mortis do animal.

Saiba mais

Articulações do joelho de animais domésticos: conheça as principais estruturas

A articulação do joelho é formada pelo contato entre o osso fêmur e os ossos da perna tíbia e fíbula. Entre os ossos envolvidos nessa articulação, está presente ainda o osso Patela, maior osso sesamoide do animal.

Saiba mais

Alimentação natural e medicina veterinária: qual a ligação?

Os veterinários são a primeira fonte de informação quando o tema é nutrição pet. Em segundo lugar vem a internet. É fundamental estar atento às necessidades nutricionais dos pacientes e aos hábitos alimentares para fornecer conselhos nutricionais.

Saiba mais

Você, estudante de veterinária, sabe o que é gastrotomia?

Gastrotomia é a abertura do estômago, e, muitas vezes, é confundida com gastrostomia, que é o estabelecimento de uma abertura artificial (de comunicação com o meio externo) do estômago.

Saiba mais

Veterinário, conheça as subdivisões da Anatomia Animal

A anatomia é um ramo da biologia que estuda as formas e estruturas que compõem o corpo do animal e as correlaciona com as funções do corpo do mesmo. Inicialmente, a anatomia era simplesmente descritiva, utilizando bisturis e pinças, fazendo a separação das estruturas e sua descrição. Com o desenvolvimento da ciência anatômica, surgiu a necessidade de subdividi-la. Uma delas, dentre as várias divisões da anatomia animal, é a anatomia macroscópica, que é a anatomia em si, a descrição das estruturas a olho nu.

Saiba mais

Anatomia dos tetos mamários de vacas leiteiras

A forma e posição dos tetos de uma vaca influenciam na facilidade da ordenha. “A superfície dos tetos apresenta uma pele fina e a parede dos tetos é formada por diversas fibras musculares lisas pelas quais circula extenso volume de sangue”, explica Paolo Vivenza, professor do VET Profissional. Observe, na imagem, as estruturas que compõem a anatomia dos tetos:

Saiba mais

Sr. Veterinário, conheça as principais funções das pálpebras oculares

Precisando avaliar os olhos de algum animal sob seus cuidados? A primeira dica para que isto seja realizado de forma correta é conhecer a anatomia e a fisiologia oftálmica, a começar pelas pálpebras e suas funções. As principais funções das pálpebras são: • Proteção: contra agressões externas, corpos estranhos, dentre outros. • Filme lacrimal: produção de mucina e lipídios. • Ato de piscar, promovendo:

Saiba mais

Anatomia sistemática da boca de animais: conheça as funções dos lábios e da bochecha dos animais domésticos

O aparelho digestório se inicia pela boca. A cavidade oral possui estruturas necessárias para apreensão, mastigação e deglutição do alimento ingerido. “A maioria das espécies de animais utilizam os lábios para realiza a apreensão e seleção dos alimentos”, explica Marcelo Lopes de Santana, professor do VET Profissional.

Saiba mais

Faringe dos animais: vamos conhecer essa estrutura?

A faringe é a porção do aparelho digestório responsável pelo controle da passagem de ar e de alimento.

Saiba mais

Cirurgia veterinária: a sutura

Kelly Cristine de Sousa Pontes, Médica Veterinária e professora do VET Profissional, que é Mestre e Doutora em Oftalmologia Veterinária, afirma que "para realizar a sutura de animais, é preciso conhecer as técnicas necessárias para esse procedimento, bem como os fios utilizados e outras informações essenciais para o sucesso do procedimento".

Saiba mais

Cirurgias veterinárias intestinais: enterotomia, enterectomia e enteroanastomose

Depois de conhecer a uretrostomia, apresentamos três novos tipos de cirurgia no intestino de animais: a enterotomia, a enterectomia e a enteroanastomose. A princípio os nomes podem parecer difíceis, mas elas dizem respeito a procedimentos relativamente simples para o médico veterinário e que, de certa forma, se complementam.

Saiba mais

Cirurgia veterinária: impactação e abscedação do Saco Anal

A estrutura chamada de saco anal está presente em todos os cães e gatos e cada um possui duas dessas estruturas. Não são visíveis externamente e ficam localizadas na lateral do ânus desses animais. Formando uma espécie de bolsa, dentro de cada saco há duas glândulas, denominadas adanais ou glândulas do saco anal.

Saiba mais

Anestesia veterinária - pré e pós-cirurgia

A anestesia é um procedimento necessário em clínicas veterinárias. Não só para intervenções cirúrgicas, como também para alguns tratamentos simples, como a limpeza de dentes. Além de minimizar a dor, ela é fundamental também porque muitos animais não conseguem ficar quietos por muito tempo.

Saiba mais

O que é Neonatologia Veterinária?

Dentro da medicina veterinária são vários os ramos em que o médico veterinário pode se especializar. Pediatria e especialização em equinos, são algumas dessas especializações. Assim como para nós, humanos, também existe uma especialização veterinária que cuida da mãe e observa o comportamento da ninhada: a Neonatologia Veterinária.

Saiba mais

Medicina veterinária? Apresento-lhe a Orquiectomia, vulgo castração!

A orquiectomia, popularmente conhecida como castração, consiste no procedimento cirúrgico de remoção da gônada do animal e de alguns de seus anexos. Trata-se de uma cirurgia realizada com grande frequência, principalmente na espécie equina, e é uma das causas mais comuns de processos legais contra veterinários nos Estados Unidos, devido a erros de conduta e falhas na aplicação da técnica.

Saiba mais

Hérnia umbilical em potros? Conheça a Herniorrafia!

O procedimento de herniorrafia em potros é realizado sempre que o animal jovem ou recém-nascido apresenta a patologia de hérnia umbilical. Esta, por sua vez, ocorre devido a ausência de fechamento adequado da musculatura abdominal ventral. Essa má formação propicia o desenvolvimento de um ponto anatomicamente frágil no corpo do potro, permitindo a passagem do conteúdo oriundo da cavidade abdominal para o espaço subcutâneo.

Saiba mais

Veterinário de aves domésticas? Quais aspectos avaliar em granjas com problemas?

O veterinário de aves domésticas será solicitado à granja sempre que o granjeiro ou proprietário perceber algum problema com os animais. No primeiro contato, já é importante que o profissional comece a traçar o histórico, ou anamnese, do animal, verificando todas as características das aves e as condições a que são submetidas, como idade, alimentação, vacinação, condições das instalações granjeiras, qual o quadro suspeito e quando começou a sua observação, entre outros. É necessário que tudo seja devidamente anotado em fichas próprias.

Saiba mais

Necropsia: características anatômicas e fisiológicas das aves

O estudo das características anatômicas e fisiológicas das aves se torna importante devido aos impactos que todas as peculiaridades têm, tanto sobre a parte clínica quanto sobre a produção desses animais. “A necropsia objetiva demonstrar as técnicas mais comuns na avicultura e apresentar as características físicas e anatômicas dessa categoria animal”,

Saiba mais

Medula espinhal: ponto-chave na fisioterapia veterinária

A medula espinhal é de suma importância na fisioterapia veterinária, pois os traumas e doenças medulares são causas frequentes de proprietários buscarem a ajuda de um fisiatra. “Os comandos principais de movimentos do animal que passam por toda a medula espinhal são chamados neurônios motores”, afirma Ana Carolina Silva Faria, professora do VET Profissional.

Saiba mais

Sr. Veterinário, saiba mais sobre a farmacologia veterinária

A farmacologia veterinária, assim como toda a farmacologia, possui origem grega - Pharmakon (droga). "Ela foi reconhecida como ciência no fim do século XIX, iniciando-se assim os estudos através das separações das moléculas extraídas das plantas para a formação dos princípios ativos", explica Profa. Waleska Dantas, do VET Profissional.

Saiba mais

Farmacocinética veterinária: como ocorre a absorção dos medicamentos?

“A farmacocinética estuda o caminho percorrido pelos medicamentos no organismo animal. Este caminho se inicia com a absorção da droga, a depender da via de administração”, explica Waleska de Melo, professora do VET Profissional.

Saiba mais

Histologia: qual a importância dessa disciplina para a Medicina Veterinária?

Uma das competências do médico veterinário é dar diagnósticos, procedimento que nem sempre envolve lesões e doenças. “Após uma análise, identificar que no órgão ou tecido não há alterações microscópicas também é uma forma de diagnosticar um paciente e é a histologia que fornece conhecimento para que o profissional consiga fazer esse tipo de verificação”, explica Rosyane Souza Cruzeiro, professora do VET Profissional.

Saiba mais

Saúde pública e a medicina veterinária: qual a ligação?

A saúde pública é o campo do saber e de práticas que considera a saúde um fenômeno social e, por isso, de interesse público. É também tecnológica e busca intervir visando evitar doenças, prolongar a vida e desenvolver a saúde.

Saiba mais

Parasitologia veterinária: como os parasitas se disseminam?

“Essas zoonoses, como enfermidades naturalmente transmissíveis entre os animais e o homem, representam uma importante ameaça à saúde e ao bem-estar da população”, explica a professora Mariana Costa, do VET Profissional.

Saiba mais

Malassezia: você conhece esse fungo de importância veterinária?

Malassezia é uma levedura unicelular, com formato ovoide a globoso, reprodução assexuada, brotamentos unipolares de base larga (sua morfologia aparenta uma pegada de sapato).

Saiba mais

Fêmeas equinas: conheça 7 sinais clínicos de alterações no sistema reprodutor das éguas

O sistema reprodutor tem a importante função de garantir a perpetuação das espécies por meio da gestação. “Quando se trata de fêmeas equinas, o conhecimento da anatomia desse sistema é indispensável para conseguir identificar anormalidades ao executar a palpação retal no exame físico”, explica Kelly Cristine de Sousa Pontes, Médica Veterinária e professora do VET Profissional, Pós-doutora em Medicina, na área de Oftalmologia e Oncologia e Doutora em Cirúrgicas e Anestésicas Aplicadas aos Animais.

Saiba mais

Interação medicamentosa na veterinária: entenda como ocorre esse evento

“A interação medicamentosa é quando existe a necessidade da utilização de dois ou mais fármacos juntos dentro de um mesmo composto (medicamento) ou quando se precisa utilizar dois grupos de medicamentos diferentes ou ainda dois medicamentos de um mesmo grupo farmacológico”, explica Waleska de Melo Ferreira Dantas, professora do VET Profissional, Mestre em Medicina Veterinária e Doutora em Patologia Clínica Animal.

Saiba mais

Crioterapia na oftalmologia veterinária: entenda quando pode ser utilizada

A crioterapia, técnica que utiliza gelo, é aplicada na oftalmologia veterinária para corrigir anormalidades ciliares, destruindo os folículos problemáticos.

Saiba mais

Necropsia de bovinos a campo: como iniciar esse procedimento?

Para realização da necropsia, são utilizadas técnicas específicas de exames. No entanto, antes de iniciar os exames propriamente ditos, deve ser feito o levantamento do histórico clínico do animal, também conhecido como perinecropsia.

Saiba mais

Osso coxal: conheça essa porção da pelve óssea de animais

A pelve, formada pelos ossos coxal, sacro e as primeiras vértebras coccígeas é a porção final do tronco, onde se fixam os membros pélvicos e a cauda. O osso coxal é constituído pela fusão de três ossos: ílio, ísquio e púbis.

Saiba mais

Necropsia em gatos: como fazer a avaliação das mucosas?

Na necropsia é feita uma análise detalhada do cadáver, tanto na parte externa como interna. O exame externo nada mais é que uma avaliação detalhada da superfície do cadáver. Trata-se da primeira fase da necropsia em que informações relevantes são coletadas para elucidar a causa mortis do animal.

Saiba mais

Articulações do joelho de animais domésticos: conheça as principais estruturas

A articulação do joelho é formada pelo contato entre o osso fêmur e os ossos da perna tíbia e fíbula. Entre os ossos envolvidos nessa articulação, está presente ainda o osso Patela, maior osso sesamoide do animal.

Saiba mais

Alimentação natural e medicina veterinária: qual a ligação?

Os veterinários são a primeira fonte de informação quando o tema é nutrição pet. Em segundo lugar vem a internet. É fundamental estar atento às necessidades nutricionais dos pacientes e aos hábitos alimentares para fornecer conselhos nutricionais.

Saiba mais

Você, estudante de veterinária, sabe o que é gastrotomia?

Gastrotomia é a abertura do estômago, e, muitas vezes, é confundida com gastrostomia, que é o estabelecimento de uma abertura artificial (de comunicação com o meio externo) do estômago.

Saiba mais

Receba Mais Informações