Guias de Capacitação do Veterinários. Clique e baixe!

Resultados da busca para "doencas entericas dos suinos"

Doença renal policística em gatos: você conhece essa doença?

Você já ouviu falar em doença renal policística? Não? A doença renal policística é uma doença autossômica dominante, com causa hereditária, caracterizada pela expansão de segmentos tubulares formando os cistos renais.

Saiba mais

Glomerulonefropatias em animais domésticos: você conhece a glomerulonefrite?

As glomerulonefropatias são doenças glomerulares consideradas como principais causas de doença renal crônica em cães, prevalecendo a ocorrência em animais de meia idade e idosos.

Saiba mais

Doença renal crônica em animais domésticos: saiba mais sobre essa doença

A doença renal crônica é a enfermidade degenerativa mais comum em cães e gatos idosos. É irreversível e caracterizada por uma perda progressiva dos néfrons e da função renal.

Saiba mais

FeLV: A doença infecciosa felina que mais mata no Brasil

FeLV é a sigla para Leucemia Viral Felina (do inglês “Feline Leukemia Virus”), doença infectocontagiosa não zoonótica mais relacionada à doença clínica e à mortalidade de felinos no Brasil. Seu nome popularmente é acompanhado pela sigla de outra infecção, a FIV, mas é importante que o médico veterinário esclareça aos tutores que não existe a doença “FIV/FeLV” (embora o animal possa ser diagnosticado com as duas), pois são patologias diferentes, com sinais clínicos distintos.

Saiba mais

Doença no rebanho: como verificar o comportamento dessa doença?

Quando um animal fica doente, a primeira coisa a ser ponderada é se ele adoeceu em isolamento ou a partir do contato com locais diferentes ou outros animais/populações. Um animal adquirido em um leilão, por exemplo, pode levar para a propriedade uma doença que ainda não existia lá.

Saiba mais

Doenças nutricionais em equinos: conhceça a Paralisia Periódica Hipercalêmica (PPH)

A Paralisia Periódica Hipercalêmica (PPH) é uma doença genética autossômica dominante, também chamada de doença do Impressive (garanhão da raça quarto de milha que foi o principal disseminador da doença), ou paralisia periódica induzida por potássio.

Saiba mais

Lançamento VET Profissional: Disciplina Suínos - Produção e Principais Doenças

A suinocultura é um dos nichos de mercado mais atraentes para se investir no Brasil graças às possibilidades de produtividade e rentabilidade. A atividade gera impacto na economia do país e apresenta índices de crescimento maiores a cada ano que passa. Porém, essa atividade pode sofrer enormes prejuízos devido a várias doenças que podem afetar os animais.

Saiba mais

Doenças bacterianas em caprinos podem causar mortalidade dos animais?

É de grande importância saber identificar as doenças bacterianas de alta morbidade e de alta mortalidade em caprinos, sabendo quais são as mais prevalentes em jovens, conhecendo as práticas de diagnóstico, tratamento, profilaxia e controle dessas doenças nos caprinos.

Saiba mais

Raiva em ovinos? Saiba como identificar essa doença de alta mortalidade para o rebanho

Para estabelecer o manejo sanitário de forma eficiente é fundamental o conhecer as doenças que ocorrem em determinada região. As doenças virais de alta mortalidade mais comuns em ovinos são raiva e língua azul.

Saiba mais

Febre aftosa: o que causa essa doença altamente contagiosa?

A febre aftosa é uma doença causada por vírus da família Picornaviridae. Esse vírus é de grande transmissibilidade entre animais, como bovinos, ovinos, caprinos, suínos e outros biungulados selvagens. Causa uma doença vesicular transmissível. Possui alta morbidade e mortalidade moderada em animais jovens, acarretando em perdas econômicas.

Saiba mais

Dermatite canina: saiba tudo sobre essa doença

Um dos problemas mais comuns em pets é a dermatite canina. De forma resumida, a dermatite é uma doença na pele do animal, que provoca coceira, vermelhidão e o surgimento de pequenas feridas. Um dos exemplos mais conhecidos dessa doença é a sarna, mas também há outros como a micose e a escabiose.

Saiba mais

As principais doenças dos suínos

Mariana Costa Fausto, professora do VET Profissional, contextualiza que a suinocultura é um dos nichos de mercado mais atraentes para se investir no Brasil graças às possibilidades de produtividade e rentabilidade. Os números da atividade no país são animadores e têm levado cada vez mais criadores a entrar no ramo.

Saiba mais

Quais principais doenças periodontais que acometem cães e gatos?

Doença periodontal é a enfermidade mais comum da cavidade oral de cães e gatos. Inicia-se por acúmulo de bactérias na superfície dos dentes e progride até os tecidos de sustentação que formam o periodonto, que são gengiva, osso alveolar, cemento e ligamento periodontal.

Saiba mais

Classificação de doenças na medicina de produção de bovinos

A medicina de produção se baseia no gerenciamento das informações coletadas para a elaboração de um diagnóstico, de modo que essas informações englobam a realidade da propriedade atendida e das do seu entorno, a identificação de cada animal, o levantamento do histórico clínico de todas as doenças que o animal atendido teve ao longo da sua vida, anotação dos parâmetros produtivos, reconhecimento das estruturas da propriedade, entre outros.

Saiba mais

Lista de doenças de notificação compulsória: você sabe o que significa essa lista?

O conhecimento das doenças prevalentes em uma localidade é essencial para o planejamento estratégico de saúde pública. A lista de doenças de notificação compulsória fornecem informações de forma rápida e ágil, oferecendo subsídios para a tomada de decisão, permitindo a implementação de medidas de prevenção e de controle dos agravos.

Saiba mais

Dermatofilose em equinos: conheça essa doença que acomete a pele de diversos animais

A dermatofilose é uma doença infectocontagiosa aguda ou crônica. Seu agente etiológico é a bactéria Dermatophilus congolensis, que gera uma dermatite exsudativa, com erupções crostosas e escamosas.

Saiba mais

DTUIF - Doença do Trato Urinário Inferior dos Felinos: o que é? Como se apresenta? Quais são as causas?

“O que caracteriza essa enfermidade são sinais clínicos relacionados ao trato urinário inferior, como a hematúria, periúria, disúria e polaciúria”, explica Luiz Eduardo Duarte de Oliveira, Médico Veterinário e Professor do VET Profissional, que é Mestre em Ciências Veterinárias.

Saiba mais

Leishmaniose visceral canina: você conhece essa doença imitadora?

A Leishmaniose visceral canina é uma doença de difícil diagnóstico, pois o cão pode estar infectado e não apresentar nenhum sintoma. Ou ainda, apresentar sinais clínicos que apontam para outras doenças.

Saiba mais

Doença periodontal em cães: o que é e como tratar?

A doença periodontal é uma doença muito comum e em cães, atingindo pacientes de qualquer faixa etária. Trata-se de uma afecção que ataca a gengiva e os tecidos de sustentação dos dentes.

Saiba mais

Cinomose: conheça a principal doença infecciosa canina

A cinomose é um doença canina viral de importância mundial e endêmica no Brasil. Felizmente, ela não é uma zoonose, mas sua taxa de mortalidade entre os animais infectados que não conseguem uma eficiente resposta imune contra o vírus é muito alta.

Saiba mais

Aprenda a como realizar o exame físico externo para diagnosticar doenças em aves

Os médicos veterinários devem sempre orientar criadores de aves domésticas a nunca ignorarem nenhum sinal de doença observado em sua criação, por menor que ele seja. Em granjas, como o número de animais convivendo muito próximos é elevado, infecções se propagam rapidamente, o que pode ocasionar descarte de plantéis inteiros.

Saiba mais

Pulorose, doença de alta mortalidade em granjas de aves jovens

A pulorose é uma doença causada pela Salmonella pullorum, um bacilo imóvel sem flagelo. Afeta exclusivamente aves, principalmente as jovens, desencadeando a chamada diarreia branca bacilar. “É uma doença de alta mortalidade, que chega a afetar 90% do plantel quando acontece”, explica Prof. Marcelo Dias, do VET Profissional.

Saiba mais

Manejo sanitário na caprinocultura: quais medidas necessárias para esse manejo?

O manejo sanitário são práticas utilizadas visando diminuir o aparecimento de doenças em um rebanho e reduzir o impacto econômico. “Servem para controlar as influências negativas do meio ambiente de modo a prevenir ou controlar doenças já existentes”, explica a Dr.ª Magna Coroa Lima, Médica Veterinária e professora do VET Profissional, que é Doutora em Medicina Veterinária e Mestre em Zootecnia.

Saiba mais

Doenças articulares em raças pequenas: conheça a anatomia e os achados radiográficos dessas doenças

As articulações são as estruturas que impedem o atrito dos ossos no ponto em que a parte distal de um osso se liga à parte proximal de outro. Elas que permitem a mobilidade do corpo.

Saiba mais

Aprenda a realizar o exame físico externo para diagnosticar doenças em aves

Os médicos veterinários devem sempre orientar criadores de aves domésticas a nunca ignorarem nenhum sinal de doença observado em sua criação, por menor que ele seja. Em granjas, como o número de animais convivendo muito próximos é elevado, infecções se propagam rapidamente, o que pode ocasionar descarte de plantéis inteiros.

Saiba mais

Veterinário: dicas para identificar a Micoplasmose em galinhas

Nos anos de 1980, o Brasil passou por um grave problema na avicultura, quando foram constatados lotes de aves com problemas de doença crônica respiratória – DCR. Ao se investigar a causa dessa situação, descobriu-se que a micoplasmose era a doença responsável pelo quadro clínico de inúmeras aves.

Saiba mais

Antibióticos errados fazem aves criarem resistência às doenças respiratórias

A utilização errônea e o uso frequente de antibióticos na criação avícola fizeram com que, com o passar do tempo, os galináceos desenvolvessem resistências microbianas às bactérias causadoras de doenças respiratórias recorrentes. Por isso, o Ministério da Agricultura Pecuária e Desenvolvimento (MAPA) passou a realizar o monitoramento do uso de antibióticos na produção avícola brasileira, principalmente em produções dedicadas ao mercado externo. Em diversos países, há uma série de restrições ao consumo de aves que foram medicadas com antibióticos.

Saiba mais

Hipertensão pulmonar em cães e gatos: você conhece essa doença?

A hipertensão pulmonar (HP) é uma doença progressiva, grave, de alta incidência, caracterizada pela elevação anormal e persistente da pressão na vasculatura pulmonar e consequente aumento da pressão arterial pulmonar (≥ a 25 mmHg). Pode ser classificada em HP arterial e HP venosa.

Saiba mais

Degeneração mixomatosa valvar em cães: você conhece essa doença?

A degeneração mixomatosa valvar é uma doença degenerativa das valvas atrioventriculares, sendo a maior causa de insuficiência cardíaca congestiva (ICC) em cães. Como característica está à degeneração mixomatosa, acompanhada de uma fibrose valvar crônica.

Saiba mais

Equinos: como diagnosticar doenças do sistema nervoso?

O exame semiológico do sistema nervoso começa com a avaliação geral do animal, desde a identificação, anamnese e histórico de vacinações e vermifugações, dando atenção ao estado mental do animal, sua postura, alterações anatômicas e de ambulações.

Saiba mais

Influenza equina: um tipo de afecção viral que acomete o sistema respiratório de equinos

A influenza equina é uma doença respiratória aguda de etiologia viral causada por duas cepas de ortomixovírus: Influenza A/equina 1 (H7N7) e Influenza A/equina 2 (H3N8).

Saiba mais

Cetose e esteatose hepática em vacas leiteiras: conheça duas doenças metabólicas que ocorrem simultaneamente no animal

A cetose é uma desordem metabólica associada ao balanço energético negativo e à carência de carboidratos precursores de glicose, típicas do período do parto de vacas de elevada produção de leite. Enquanto a esteatose hepática é a condição na qual ocorre acúmulo de triglicerídeos dentro dos hepatócitos (acúmulo de gordura nas células do fígado).

Saiba mais

Anemia infecciosa equina: você conhece essa doença?

A anemia infecciosa equina (AIE) é uma doença de etiologia viral causada por um retrovírus da subfamília Lentivirinae, família Retroviridae.

Saiba mais

Fisite em equinos: você conhece essa Doença Ortopédica Desenvolvimentar (DOD)?

As Doenças Ortopédicas Desenvolvimentares (DOD) são distúrbios do que acontecem durante o desenvolvimento do animal, relacionados a alteração na formação óssea.

Saiba mais

Os carrapatos causam doenças? Quais são os prejuízos que esses ectoparasitas podem trazer aos animais domésticos?

Os carrapatos são ectoparasitas obrigatórios que podem sobreviver por anos, estando proximamente relacionados aos ácaros.

Saiba mais

Salmonella: qual a importância dessa bactéria na avicultura?

Entre as doenças que ocorrem na avicultura, existem aquelas que acometem apenas alguns animais, e outras que, por serem altamente contagiosas, obrigam o produtor a descartar toda a sua criação. Nesse contexto, a salmonelose, que consiste em um complexo de doenças bacterianas, destaca-se por causar problemas sanitários tanto à avicultura quanto aos seres humanos.

Saiba mais

Linfadenite caseosa em ovinos: você conhece essa enfermidade?

As doenças bacterianas são uma grande preocupação na criação animal, uma vez que as bactérias são microrganismos geralmente persistentes, exigindo tratamento medicamentoso intenso.

Saiba mais

Parvovirose: conheça essa doença infecciosa que acomete os cães jovens

A parvovirose canina é uma doença causada por vírus que acomete animais jovens na maior parte dos casos, inclusive filhotes. O quadro clínico mais expressivo da infecção é a diarreia com sangue.

Saiba mais

Enterotoxemia em ovinos: você conhece essa doença de alta mortalidade?

Há diversas enfermidades causadas pelo gênero Clostridium. De modo geral, são denominadas de Clostridioses. Dentre as clostridioses, uma que requer atenção é a enterotoxemia.

Saiba mais

Erliquiose canina: conheça essa doença severa, mas de fácil tratamento

A Erliquiose é uma das principais doenças infectocontagiosas em animais domésticos. É causada por hemoparasitas da ordem Rickettsiales e do gênero Ehrlichia spp. São parasitas intracelulares obrigatórios de células monocelulares e células hematopoiéticas maduras ou imaturas. A principal espécie que acomete os cães é a Ehrlichia canis.

Saiba mais

Pasteurelose aviária: conheça essa séria doença de alcance mundial

A pasteurelose também é conhecida como “cólera aviária” devido aos sintomas e índice de mortalidade, causada pela bactéria Pasteurella multocida em aves que lembra a ação endêmica provocada pelo vibrião da cólera em seres humanos.

Saiba mais

Acidose ruminal em bovinos leiteiros: como essa doença reflete em outros órgãos?

A acidose ruminal se apresenta de forma crescente na maioria dos rebanhos, por ser uma doença que possui relação entre nutrição e o seu desenvolvimento.

Saiba mais

Doença de maior impacto no sistema de produção de leite? A Mastite!

A real importância da mastite no sistema de produção de leite está relacionada a três fatores: trata-se da doença de maior impacto direto na diminuição da produção e qualidade do leite; causa enormes perdas econômicas para a indústria leiteira; e inviabiliza a atividade dos produtores pecuaristas. Por isso, é fundamental que o médico veterinário conheça as características da doença, bem como quais são as novidades que estudos e pesquisas já realizados sobre a mastite revelam.

Saiba mais

Sr. Veterinário: saiba mais sobre a bactéria Salmonelose

Segundo Prof. Marcelo Dias, do VET Profissional, “o gênero Salmonella é composto por inúmeras espécies, havendo grupos que causam grandes problemas sanitários na avicultura e outros que causam importantes doenças nos seres humanos”. Existem três grandes grupos de doenças associadas à salmonela, sendo duas delas de grande prejuízo para a avicultura: - Tifo, causada por Salmonella gallinarum. - Pulorose, causada por Salmonella pullorum. - Paratifo, causada por Salmonella spp. (as principais são Salmonella enteritidis e Salmonella typhimurium).

Saiba mais

Aves em estado crítico: o que o veterinário deve fazer?

As aves quando chegam em clínicas, geralmente, já se encontram em estado crítico. “Elas são pacientes diferentes, não são como os cães e os gatos, porque mascaram os sinais clínicos de doenças. Devido a isso, os seus responsáveis normalmente não percebem quando elas começam a adoecer e a doença se agrava”, explica Letícia Bergo Coelho Ferreira, Professora do VET Profissional.

Saiba mais

A tuberculose bovina e a forma comum de transmissão

A tuberculose bovina é uma doença que ocorre em praticamente todo o mundo, sendo a América do Sul um dos locais de maior incidência. No Brasil o problema é preocupante e se constitui em um grave problema de saúde pública. Os principais prejuízos causados pela tuberculose são a diminuição da produção de leite e de carne e a perda de animais que, dependendo do sistema de produção, pode ser disseminada rapidamente entre o rebanho, explica Prof. Leonardo Cotta Quintão, professor do VetProfissional. Por apresentar sinais comuns de várias enfermidades, a identificação dessa doença exige métodos complementares.

Saiba mais

Clostridioses em bovinos: doenças bacterianas de alta mortalidade

As Clostridioses são um complexo de enfermidades que ocorrem de forma muito rápida e fatal, e é causado por bactérias do gênero Clostrídios. Essas bactérias têm capacidade de esporulação, e são encontradas nas fezes dos animais, no solo, entre outros, explica Marcelo dias da Silva, Professor do VET Profissional.

Saiba mais

Hipocalcemia em vacas: você conhece essa doença?

A hipocalcemia, também conhecida como febre do leite, hipocalcemia pós-parto, paresia puerperal ou febre vitular, é uma disfunção neuromuscular progressiva caracterizada pela diminuição na concentração plasmática do cálcio, acometendo mais as vacas leiteiras. Geralmente ocorre no período de transição, uma vez que esse período demanda muito cálcio do organismo do animal.

Saiba mais

Caprinos e as doenças parasitárias que os acometem - ectoparasitas

Apesar de sua rusticidade, os caprinos são bastante sensíveis às parasitoses, as quais afetam seu desempenho. Considerando a grande importância social e econômica da caprinocultura, é preciso que os criadores sigam rigorosamente as medidas de manejo adequadas para evitar esse problema, possibilitando, assim, maior desenvolvimento da atividade.

Saiba mais

Bactérias do gênero Brucella: conheça esse gênero de bactérias responsável por causar doenças em animais e humanos

Os microrganismos que compõem o gênero Brucella são cocobacilos gram-negativos, intracelulares facultativos, possuem um sistema reprodutor e células reticuloendoteliais e causam infecção de caráter crônico.

Saiba mais

Animais sinantrópicos: você sabe o que são?

Animais sinantrópicos são aqueles que, embora indesejados pelo homem, vivem no espaço urbano devido às condições de alimentação e abrigo que o ambiente proporciona. São pragas que transmitem doenças ou são peçonhentos.

Saiba mais

Quarentena de fêmeas suínas: o que é e como fazer?

A quarentena é uma estrutura separada do galpão principal para onde devem ser encaminhadas as fêmeas recém-chegadas à granja. Lá, elas permanecerão por tempo suficiente até que se verifique a ausência de doenças e outros fatores contaminantes trazidos de fora que podem comprometer todo o plantel principal.

Saiba mais

Fisiopatogenia das doenças ósseas metabólicas: vamos entender o que é?

O corpo sempre busca o equilíbrio. Em relação ao sistema ósseo, o principal equilíbrio é entre cálcio e fósforo séricos e dos ossos, o que quer dizer que, sempre que precisar, o corpo vai retirar esses minerais dos ossos ou do sangue para desempenhar suas funções.

Saiba mais

Suínos recém-nascidos: como organizar a mamada dos leitões?

Através do colostro, os leitões recebem uma série de anticorpos maternos. Esse processo é o que chamamos de imunidade passiva e mantém os filhotes imunizados durante um bom período dentro da granja.

Saiba mais

Vírus: conheça esse microrganismo responsável por diversas doenças

Os vírus são organismos acelulares, possuidores de uma estrutura formada basicamente por proteínas e ácido nucleico. Esse microrganismo não se desenvolve em um meio de cultura. É preciso que haja um organismo hospedeiro, pois ele é um parasita obrigatório.

Saiba mais

Mastite: doença muitas vezes provocada por humanos. Entenda!

As mastites correspondem à principal enfermidade que acomete rebanhos leiteiros em todo o mundo.

Saiba mais

Cardiomiopatia dilatada em cães: como diagnosticar?

O animalzinho apresenta fraqueza, letargia, intolerância ao exercício, dispneia entre outros sintomas? Saiba que isso pode ser sinal de cardiomiopatia dilatada.

Saiba mais

Hiperadrenocorticismo Canino (HAC): conheça os efeitos do excesso de cortisol no organismo canino

Hiperadrenocorticismo Canino (HAC), também conhecido como Doença de Addison ou Síndrome de Cushing, é uma síndrome clínica decorrente do excesso de produção de cortisol no organismo animal.

Saiba mais

Médico veterinário, você está preparado para atender uma ave em estado crítico?

As aves quando chegam às clinicas, geralmente já se encontram em estado crítico. Elas são pacientes diferentes, não são como os cães e os gatos, porque mascaram os sinais clínicos de doenças, então os seus responsáveis normalmente não percebem quando elas começam a adoecer e nisso a doença se agrava.

Saiba mais

Febre do Nilo Ocidental (FNO) em equinos: importante doença que afeta o sistema nervoso do animal

A febre do Nilo é uma doença de etiologia viral (flavivirus; família Flaviviridae) que conta com 65 espécies de mosquitos e 326 espécies de pássaros como vetores.

Saiba mais

Quais os tipos de mastite?

Os produtores de leite sabem que a mastite é uma doença que merece atenção. Isso porque ela exerce influência direta na qualidade do seu produto principal: o leite. Além de prejudicá-lo, também produz prejuízos financeiros diretos, devido à necessidade de tratamento dos animais doentes.

Saiba mais

Bovinos devem ser casqueados? Por quê?

Os cascos têm por finalidade a sustentação e a locomoção dos bovinos, daí sua estrutura rígida e sua forma de crescimento. O casqueamento tem como principal objetivo prevenir doenças dos cascos em animais estabulados e mesmo mantidos em piquetes.

Saiba mais

Trabalhando com leitões recém-nascidos? Aprenda a administrar o colostro!

Trabalhando com leitões recém-nascidos? Saiba, então, que o colostro é a primeira vacina do filhotes. É necessário que a leitegada beba uma quantidade razoável de colostro para garantir um futuro saudável, livre de doenças. Através do colostro, os leitões recebem uma série de anticorpos maternos. Esse processo é o que chamamos de imunidade passiva e mantém os filhotes imunizados durante um bom período dentro da granja.

Saiba mais

Doenças respiratórias em galinhas: como surgem

O microambiente em que vivem as aves e as condições do galpão, com frequência, favorecem a ocorrência de problemas respiratórios e a proliferação de enfermidades bacterianas, afirma Marcelo Dias, Professor do VET Profissional.

Saiba mais

Medula espinhal: ponto-chave na fisioterapia veterinária

A medula espinhal é de suma importância na fisioterapia veterinária, pois os traumas e doenças medulares são causas frequentes de proprietários buscarem a ajuda de um fisiatra. “Os comandos principais de movimentos do animal que passam por toda a medula espinhal são chamados neurônios motores”, afirma Ana Carolina Silva Faria, professora do VET Profissional.

Saiba mais

Sr. Veterinário, saiba mais sobre doenças respiratórias em granjas de frangos

A questão respiratória é um dos pontos que mais preocupa a sanidade avícola, seja na criação de pequenos produtores, seja da avicultura industrial. “O microambiente em que vivem as aves e as condições do galpão, com frequência, favorecem a ocorrência de problemas respiratórios e a proliferação de enfermidades bacterianas”, afirma Marcelo Dias, Professor do VET Profissional.

Saiba mais

Importância do sistema reprodutivo para clínica de bovinos

Independente do sistema de produção, os aspectos próprios da reprodução e os índices reprodutivos podem auxiliar no diagnóstico de doenças de vários sistemas. Um exemplo disso é a possibilidade de suspeitar que afecções podais estão ocorrendo no rebanho devido à baixa taxa de prenhez, pois, como as vacas não demonstrarão cio montando umas nas outras por causa da possível dor na pata, elas não serão submetidas à inseminação ou qualquer que seja o método de concepção utilizado pela propriedade.

Saiba mais

Anemia infecciosa equina: saiba mais sobre essa doença

A anemia infecciosa equina (AIE) é uma doença de etiologia viral causada por um retrovírus da subfamília Lentivirinae, família Retroviridae. “A transmissão se dá a partir da transferência de sangue ou derivados sanguíneos contaminados, seja por via fômite ou por picadas de insetos, e ainda de forma intrauterina e seminal”, explica Maria Gazzinelli, Professora do VET Profissional.

Saiba mais

Sr. Veterinário, saiba mais sobre o Programa Nacional de Sanidade Avícola - PNSA

Devido à importância das doenças tifo aviário e pulorose, o MAPA desenvolveu um Programa Nacional de Sanidade Avícola (PNSA) que possui uma série de normatizações para proteger o plantel avícola nacional, explica Marcelo Dias, Professor do VET Profissional. Conforme a legislação do PNSA - Plantéis de reprodução devem ter certificação dos núcleos e granjas avícolas livres de Salmonella gallinarum e Salmonella pullorum, e controlados para Salmonella enteritidis e Salmonella typhimurium em todas as unidades da Federação.

Saiba mais

Estenose aórtica: o que é e como acontece?

A estenose aórtica é uma doença caracterizada pela obstrução parcial da via de saída do ventrículo esquerdo. Esta enfermidade pode ocorrer nas estenoses subvalvar (mais comum), valvar e supravalvar. “Acontece tanto em animais sem raça definida, quanto nos de raça, porém é mais comum em animais de raças grandes e gigantes, como Golden Retriever, Dogue Alemão, Samoieda, Terra Nova, Boxer, dentre outros”, explica Luiz Eduardo, professor do VetProfissional.

Saiba mais

Clostridioses em caprinos: doenças bacterianas de alta mortalidade

As Clostridioses são um complexo de enfermidades que ocorrem de forma muito rápida e fatal em caprinos, e são causadas por bactérias do gênero Clostrídios. Essas bactérias têm capacidade de esporulação, e são encontradas nas fezes dos animais, no solo, entre outros, explica Dra. Magna Coroa Lima, Professor do VET Profissional.

Saiba mais

Epidemiologia: qual a sua importância para o médico veterinário?

A epidemiologia (Epi-: sobre; -demos-: povo ; -logia: estudo) consiste em estudar “aquilo que se abate sobre o povo”: as epidemias. “É função da epidemiologia conhecer detalhadamente as doenças e buscar intervenções. Nesse contexto, a medicina veterinária se insere tanto na saúde pública quanto no controle de doenças em animais”, explica Marcelo Dias da Silva, professor do VET Profissional.

Saiba mais

Mortalidade e morbidade: entenda o que são esses índices

“A mortalidade e morbidade são indicadores que podem ser utilizados tanto na saúde humana quanto veterinária, agindo, em ambos os casos, para a profilaxia de doenças, avaliação e planejamento de ações sanitárias e observação e constatação de epidemias”, explica Marcelo Dias da Silva, professor do VET Profissional.

Saiba mais

Encefalomielite em equinos: diagnóstico, sintomas e tratamento

Você sabe o que é a encefalomielite? É uma doença de etiologia viral cujos reservatórios são aves, roedores e répteis. É uma zoonose, portanto, sua notificação é obrigatória, e sua transmissão se dá por picada de mosquitos.

Saiba mais

Insuficiência cardíaca congestiva em cães e gatos: quais são as características dessa síndrome?

A insuficiência cardíaca congestiva é uma síndrome clínica decorrente de diversas doenças cardíacas. É caracterizada por altas pressões de enchimento do ventrículo (direito ou esquerdo), levando a uma congestão sanguínea.

Saiba mais

Vacinação na avicultura: quais principais características dessas vacinas?

O preço pago para não ter problemas sanitários em um plantel é muito menor do que os prejuízos gerados pelo descarte de toda a criação afetada por uma grave enfermidade. “Desse modo, investir em programas de sanidade animal é um dos métodos de prevenção de doenças mais eficazes atualmente, desde que elaborado com responsabilidade”, explica Marcelo Dias da Silva, Médico Veterinário e Professor do VET Profissional, que é Mestre em Agroquímica e Doutor em Zootecnia.

Saiba mais

Broncopneumonia em equinos: veja como alguns descuidos pode favorecer essa doença

Um animal foi transportado por cerca de 100 km até um evento de cavalgada, por onde permaneceu em exercício físico intenso até a noite, retornando em uma carreta aberta, sem proteção contra o vento.

Saiba mais

Febre maculosa? Como ocorre a transmissão dessa doença?

A febre maculosa é uma doença causada pela bactéria Rickettsia Gram-, cujo vetor são os carrapatos do gênero Amblyommas da família Ixodidae. No Brasil, a maior parte dos casos acontece na região sudeste.

Saiba mais

Demodiciose canina: você conhece esse tipo de dermatite parasitária que acomete os cães?

O que são dermatites? Dermatites são inflamações cutâneas que podem gerar vermelhidão, coceira, bolhas, odores ruins, entre outros, que incomodam muito o animal a ponto de provocar lesões mecânicas devido ao ato de coçar.

Saiba mais

Síndrome do osso navicular em equinos: o que é?

A síndrome do osso navicular possui características (histológicas, radiográficas e ultrassonográficas) de uma doença articular degenerativa crônica, como a osteoartrite. Sendo assim, muitas vezes não ocorrerá uma evolução positiva com relação ao tratamento.

Saiba mais

Salmonella: quais são as características e perigo desta família de bactérias?

As bactérias do gênero Salmonella pertencem à família Enterobacteriaceae, são patógenos primários, ou seja, produzem doenças e causam inúmeros prejuízos a diversas espécies de animais e em humanos, com enorme frequência. Além disso, representam uma preocupação muito grande na cadeira alimentar de carnes, ovos e produtos processados.

Saiba mais

Micoplasmoses em caprinos: você conhece essa enfermidade?

Na caprinocultura existem doenças que podem causar prejuízos importantes à produção. A micoplasmose é uma das principais doenças bacterianas que acomete os caprinos.

Saiba mais

Dermatite de dobras cutâneas: você conhece essa doença de pele que acomete os cães? Sabe quais tratamentos indicar?

Conhecida também como intertrigo e piodermite de dobras cutâneas, a dermatite de dobras cutâneas é uma infecção bacteriana muito comum em cães com grande quantidade de dobras corporais cutâneas (Shar-pei, Basset Hound, Dachshund).

Saiba mais

Mieloencefalite protozoária equina: você conhece essa infecção?

A mieloencefalite protozoária equina (EPM) é causada pelo protozoário Sarcocystis neurona que tem como hospedeiro definitivo os gambás e como hospedeiro intermediário outros animais silvestres.

Saiba mais

Alterações patológicas mais recorrentes no sistema reprodutivo de fêmeas bovinas: como diagnosticar?

As patologias mais comuns encontradas, tanto em fazendas de leite quanto de corte, são o cisto ovariano (folicular e luteínico) e o tumor das células da granulosa.

Saiba mais

Displasia coxofemoral em cães e gatos: qual a importância do posicionamento radiográfico para diagnóstico dessa doença?

A displasia coxofemoral acomete todas as espécies, principalmente cães de grande porte. Também pode acontecer em gatos, porém é mais raro. Ocorre devido a uma doença hereditária poligênica, com alterações fenotípicas acontecendo cedo e tardiamente.

Saiba mais

O que é a torção gástrica em cães?

Gustavo Carvalho Cobucci, Médico Veterinário, Mestre em Clínica Médica e Cirúrgica de Cães e Gatos e professor do VET Profissional, explica que "um bom veterinário deve conhecer a fundo todos os problemas que os animais podem apresentar, para conseguir diagnosticar e curá-los da forma mais rápida e eficiente possível".

Saiba mais

O câncer de mama também atinge os pets? Sim!

A saúde dos nossos pets é algo com o que devemos nos preocupar. A castração, tida como um procedimento que gera muitas dúvidas, é importante na prevenção de alguns problemas, como a piometra e o câncer de mama em fêmeas. Mas, afinal, os pets também sofrem com câncer de mama? A resposta é sim!

Saiba mais

Anamnese em cães e gatos para a identificação de problemas de pele

É mesmo possível realizar anameses em cães e gatos para a identificação de problemas de pele? Sim, é. A anamnese inicia-se pela queixa principal do proprietário e deve se desenvolver por meio de uma série de perguntas feitas pelo médico veterinário, relativas ao sistema tegumentar que irão orientá-lo na identificação das alterações, bem como sugerir exames complementares.

Saiba mais

Cólera aviária: aprenda um pouco sobre essa doença

A pasteurelose também é conhecida como “cólera aviária” devido aos sintomas e índice de mortalidade causados pela bactéria Pasteurella multocida em aves, "que lembra a ação endêmica provocada pelo vibrião do cólera em seres humanos", afirma o Médico Veterinário e Zootecnista Marcelo Dias.

Saiba mais

Sr. Veterinário, conheça as principais afecções causadoras de aborto em bovinos

A duração da gestação pode apresentar importância clínica para os bezerros, pois gestações 3 ou 4 dias mais curtas do que o normal pode gerar bezerros mais leves, os quais têm mais dificuldade em absorver nutrientes, e consequentemente, tendem a ter mais problemas. Normalmente, a gestação de taurinos dura aproximadamente 285 dias enquanto a gestação de zebuínos dura aproximadamente 292 dias. A partir disso, a atenção deve ser voltada para a anotação dos índices zootécnicos, pois só é possível fazer a previsão do parto se as datas de inseminação

Saiba mais

Exodontia em pequenos animais: cuidados ao extrair dentes caninos

Para a realização da exodondia são utilizados o osteótomo e o martelo para a retirada do osso alveolar. “Essa técnica precisa ser executada de forma cuidadosa devido à força empregada nos instrumentos bem próximos às áreas internas da boca”, explica Fernando Fernandes, professor do VET Profissional.

Saiba mais

Mastite: o que provoca este tipo de infecção?

A mastite pode ter causas diversas, mas a maior parte das vezes, é causada por bactérias que atingem o interior de um ou mais quartos da mama bovina através dos ductos localizados nos tetos. A real importância da mastite no sistema de produção de leite está relacionada a três fatores:

Saiba mais

Parasitologia veterinária: como os parasitas se disseminam?

“Essas zoonoses, como enfermidades naturalmente transmissíveis entre os animais e o homem, representam uma importante ameaça à saúde e ao bem-estar da população”, explica a professora Mariana Costa, do VET Profissional.

Saiba mais

Animal com afecção no trato urinário: qual a importância da resenha e da anamnese?

O sistema urinário é complexo e formado por órgãos essenciais para a manutenção do organismo. Além da produção de urina, também é responsável pela manutenção da homeostase e produção de hormônios.

Saiba mais

Programa de vigilância epidemiológica na propriedade rural: quais fatores devem ser analisados e seguidos para obter sucesso?

O programa de vigilância epidemiológica em uma propriedade rural permite o acompanhamento do status sanitário do rebanho, ajusta os dados de produção ao ideal, previne o plantel de doenças, planeja o calendário de vacinação e de monitoramento do rebanho e permite melhorar a gestão e a renda da propriedade rural diminuindo perdas e doenças.

Saiba mais

Injúria renal aguda (IRA) em animais domésticos: como diagnosticar?

A injúria renal aguda (IRA) pode ser caracterizada pelo declínio rápido, abrupto, sustentado e reversível da função renal por um período de dias a semanas. A IRA trata-se então de uma disfunção renal decorrente de uma lesão aguda.

Saiba mais

Paciente canino diagnosticado com Diabetes Mellitus: e agora?

A diabetes pode causar aumento da taxa de glicemia acarretando complicações no coração, nas artérias, olhos, rins e nervos. Em casos mais graves, pode levar à morte.

Saiba mais

Raiva: conheça essa zoonose de alta taxa de mortalidade

Dentre as diversas zoonoses existentes no Brasil, a Raiva talvez seja a mais conhecida. Contudo, essa é uma doença que preocupa todas as sociedades humanas. Ao longo da história, sua gravidade e abrangência geraram uma série de campanhas para combate e controle.

Saiba mais

Imunocastração de suínos: você conhece esse procedimento?

“A imunocastração consiste na castração química do suíno na fase de terminação com a finalidade de impedir que o odor e gosto desagradáveis da carne suína cheguem ao paladar do consumidor”, explica Mariana Costa Fausto, Médica Veterinária e Professora do VET Profissional, que é Mestre em Medicina Veterinária e Doutora em Medicina Veterinária Preventiva – Saúde Animal e Programas Sanitários.

Saiba mais

Mannheimia: conheça esse gênero que causa doenças em animais

A família Pasteurellaceae também está dentro dos gêneros Actinobacillus, Haemophilus e Pasteurella Mannheimia.

Saiba mais

Afecções do sistema locomotor de bovinos: conheça 10 problemas que podem ocorrer devido a essas afecções

As claudicações são as manifestações que causam grande dor e estresse ao bovino, comprometendo a saúde e o bem-estar do mesmo. A observação dos fatores de risco para o sistema locomotor dos bovinos, dentro das propriedades, mostra qual a probabilidade de encontrar as afecções e as principais lesões.

Saiba mais

Microrganismos encontrados no corpo de um animal é sinal de doença?

Os microrganismos são ubíquos, isto é, estão presentes em todas as áreas, seja no solo, no ar, na pele, no cabelo e em todos os ambientes. Mesmo aqueles em que, muitas vezes, se imagina nem haver vida, há a presença de microrganismos. O corpo humano, por exemplo, é todo colonizado por microrganismos.

Saiba mais

Saculite em cães: como diagnosticar?

A saculite, também conhecida como doença do saco anal, é um distúrbio que ocorre na área anal de pequenos animais, comum em cães, mas rara em gatos.

Saiba mais

Listeria: você conhece esse microrganismo que afeta tanto animais e quanto humanos?

O gênero Listeria foi descoberto em 1920, isolado de amostras de alimentos. Ele apresenta uma incidência enorme de casos nos EUA. No Brasil é uma enfermidade subdiagnosticada e subnotificada, pela dificuldade de isolamento. As infecções causadas são assintomáticas, ocorrem em todas as idades e, em mulheres grávidas, pode causar aborto e, ou má formação fetal.

Saiba mais

Manejo de aves criadas em cativeiro: o que um veterinário deve saber?

A classe das aves possui grande variação e se diferencia tanto no aspecto morfológico quanto no alimentar e comportamental. É de extrema importância que o clínico conheça o manejo adequado de cada classe e o objetivo da criação para identificar as estratégias de manejo ou possíveis falhas no manejo quando a ave apresenta alguma patologia.

Saiba mais

Cistotomia em animais: como chegar a um diagnóstico para a realização desse procedimento?

O diagnóstico de doença da bexiga é essencial para que se possa iniciar o procedimento cirúrgico. O diagnóstico pode ser realizado por meio do histórico do animal junto com o exame de palpação.

Saiba mais

Coleta de sêmen de suínos: como realizar esse procedimento?

Geralmente, os machos chegam à granja aos cinco meses de idade. Já aos seis meses de idade estão maduros sexualmente. Nessa fase, produzem espermatozoides em quantidade significativa e recebem o treinamento para a coleta de sêmen.

Saiba mais

Nodulectomia em galo: como é realizada a cirurgia para remoção de uma pododermatite?

Um galo caipira, diagnosticado com hiperqueratinização e dermatopatia na região plantar deverá ser tratado com retirada da pododermatite, ressecção do tumor e exame histopatológico para avaliar sua causa. Veja como proceder.

Saiba mais

Creche suína: qual a importância dessa etapa da criação?

A fase de creche é a fase seguinte à maternidade. Os leitões chegam à creche após o desmame, com aproximadamente 21 dias de idade e com 5 a 6 kg de peso vivo, permanecendo neste espaço por 65 a 70 dias, tendo como meta 23 kg.

Saiba mais

Leptospira: conheça as características desse microrganismo responsável pela leptospirose

A Lepstospira é uma bactéria que possui um formato helicoidal e flagelos que facilitam a sua locomoção (movimento de saca-rolha). É um microrganismo aeróbio, sensível à luz solar e a desinfetante comum e a sua multiplicação ótima ocorre em pH entre 7,2 e 7,4.

Saiba mais

Ratos: ratazanas, ratos de telhado, camundongos. Você sabe as diferenças entre eles?

Os roedores constituem o grupo de mamíferos mais bem sucedido no planeta, com exceção do humano. Alguns deles se tornaram sinantrópicos, isto é, convivem com o homem sempre que ele permite, representando um sério problema.

Saiba mais

Manejo pré-abate de suínos: quais são os principais cuidados que devem ser tomados?

O manejo pré-abate deve ser feito da forma mais tranquila possível com o objetivo de reduzir, ao máximo, o estresse dos animais. Para que isso ocorra é necessário fazer o planejamento e preparação para o embarque dos suínos.

Saiba mais

Saculite em cães e gatos: você, futuro veterinário, recorda-se de quais são os sinais dessa lesão?

A saculite, também conhecida como doença do saco anal, é um distúrbio que ocorre na área anal de pequenos animais, comum em cães, mas rara em gatos.

Saiba mais

Giardíase canina: vamos relembrar características dessa doença e seu diagnóstico?

Dentre os protozoários que frequentemente acometem os animais, a Giardia spp. tem despertado grande interesse de pesquisadores na Medicina Veterinária, possivelmente por seu potencial como agente de zoonose.

Saiba mais

Clínica Médica de Bovinos: Nova Disciplina VET Profissional

A criação de bovinos para a produção de leite é uma opção extremamente promissora para os pecuaristas. O mercado do leite no Brasil encontra-se em expansão, mas é preciso oferecer um produto de qualidade para garantir o seu espaço. Uma doença que pode atacar esses animais é a mastite, que causa alterações físico-químicas na composição do leite, ocasionando grandes prejuízos aos produtores rurais.

Saiba mais

Conheça a nova disciplina VET Profissional: Clínica Médica de Cães e Gatos

O VET Profissional acaba de ganhar mais uma disciplina: Clínica Médica de Cães e Gatos. Para os médicos veterinários, a clínica médica é uma prática importante, pois trata do diagnóstico e tratamento de doenças, atuando, também, na área de saúde pública, ao combater zoonoses, promovendo a interação entre o profissional veterinário e a sociedade. Independente da especialidade do médico veterinário, essas práticas fazem parte de sua rotina.

Saiba mais

Saiba como interpretar leucograma

O leucograma é uma parte do exame de sangue, que avalia os leucócitos ou glóbulos brancos, responsáveis pela imunidade do animal. Este exame indica o número de basófilos, eosinófilos, linfócitos e monócitos presentes no sangue. Os resultados do leucograma podem ajudar o médico veterinário a interpretar doenças.

Saiba mais

Cães: alergia e dermatite alérgica

Por andarem em quase todos os locais da casa e terem contato com diversas substâncias, os cães podem facilmente apresentar alergias e dermatite causada por reação alérgica. Essa doença na pele é muito comum e é resultado de uma reação alérgica quando o animal entra em contato com alguma substância alérgena.

Saiba mais

Mastite: principal responsável pela baixa na atividade leiteira

Independente do tipo de sistema de produção de leite adotado pelo pecuarista, o objetivo de todo cuidado e esforço no tratamento e manejo do gado é alcançar o lucro. Porém, anualmente, a mastite é a principal responsável pelo impacto negativo na atividade leiteira. Dentre os principais prejuízos econômicos causados pela doença citam-se:

Saiba mais

Estro em leitoas: como diagnosticar?

Nas fêmeas suínas, a puberdade é caracterizada pelo primeiro cio produtivo ou o processo de ovulação. Ocorre em torno de 135 dias de idade. A partir da puberdade as fêmeas passam a ser monitoradas. Nesse momento, suinocultores e veterinários responsáveis devem formar lotes de animais com cio em período semelhante.

Saiba mais

Especialista em suínos? Conheça a preparação das leitoas pré-cobertura

Leitoa, marrã ou marroa são porcas novas desmamadas. As fêmeas selecionadas para cruzamento devem ser trabalhadas no sentido de indução da maturidade sexual em um processo denominado preparação e manejo pré-cobertura. As porcas selecionadas como matrizes devem ser levadas para a granja, a fim de iniciar a vida reprodutiva no rebanho. Ao chegar à granja as porcas são preparadas para o início do processo de reprodução.

Saiba mais

O que é possível diagnosticar observando a pele animal?

A pele é o maior órgão do corpo, tanto em extensão quanto em volume. Ela reflete a saúde dos animais e constitui a principal barreira física, química e microbiana do organismo contra as contaminações do ambiente. Dentre as alterações possíveis de se observar na pele podemos mencionar: Problemas endócrinos; Problemas nutricionais;

Saiba mais

Mastite: o que é e o que representa no sistema de produção de leite

A mastite é a inflamação do parênquima da glândula mamária. A doença pode ter causas diversas, mas a maior parte das vezes, é causada por bactérias que atingem o interior de um ou mais quartos da mama bovina através dos ductos localizados nos tetos. De acordo com Paolo Antônio Dutra Vivenza, Professor do VET Profissional, “Além das bactérias, outros microrganismos também podem causar a mastite, entre eles: leveduras, fungos, o vírus do Mycoplasma bovis, microrganismo que ocupa posição intermediária entre bactérias e vírus, e algas microscópicas do gênero Prototheca”. É preciso ressaltar que, sob o ponto de vista epidemiológico, a interação entre a resistência do animal, as condições do ambiente e a presença do agente patogênico favorece a ocorrência da mastite no rebanho.

Saiba mais

Sr. Veterinário: aprenda um pouco mais sobre a sanidade aviária

Os problemas respiratórios em aves levaram algumas empresas a dividir a sanidade aviária em 4 áreas devido à importância que médicos veterinários e produtores devem ter em relação a esses pontos. São elas: proteção entérica, sanidade reprodutiva, sanidade respiratória, sanidade cutânea. “Quando pensamos na moderna linhagem de frangos de corte, dentre os quais a seleção é feita de acordo com aspectos fisiológicos, observamos animais que apresentam rápido crescimento de carcaça com grande volume de deposição muscular”, explica Marcelo Dias, Professor do VET Profissional.

Saiba mais

Micoplasmose em aves causa grandes perdas econômicas e subclínicas

A micoplasmose causa grandes perdas econômicas, além de perdas subclínicas, pois seu controle é difícil de ser realizado nas granjas, explica Marcelo Dias, Professor do VET Profissional. Trata-se de uma doença que se tornou alvo do Programa Nacional de Sanidade Avícola – PNSA, por meio da Instrução Normativa SDA nº 44 de 23 de agosto de 2001, que aprovou uma série de normas técnicas para controle e certificação de núcleos e estabelecimentos avícolas em relação à micoplasmose aviária. São elas:

Saiba mais

Saneamento básico: de quem é essa responsabilidade?

No Brasil, a falta de saneamento básico afeta mais as áreas mais pobres, agravando quadros epidemiológicos e de doenças infecciosas, sendo as crianças as maiores vítimas desse problema. “O saneamento básico é de responsabilidade do Estado e deve ficar sob sua supervisão, pois, tem como objeto a promoção da saúde e necessita de alto investimento”, explica o Prof. Dr. Marcelo Dias da Silva, do VET Profissional. Nesse caso, o ponto chave não pode ser o lucro.

Saiba mais

Suinocultura: como evitar a carne DFP de suínos

A "carne DFD, sigla em inglês que significa - dark, firm, dry, ou seja, escura, dura e seca - pode ser evidenciada pela cor escura, sendo ainda carne firme e seca com média de pH superior a 6,2", explica Mariana Costa Fausto, Professora do VET Profissional.

Saiba mais

Exodontia em cães: o que o veterinário deve saber a respeito

A exodontia é um procedimento cirúrgico frequente na prática odontológica de pequenos animais, em que se realiza a extração de um ou mais dentes devido a algum problema, como trauma ou doença oral. Para a realização da exodondia são utilizados o osteótomo e o martelo para a retirada do osso alveolar.

Saiba mais

Criação de suínos: a maternidade exige dois ambientes distintos

A maternidade é a fase mais sensível da produção de suínos cuja instalação utilizada para o parto e fase de lactação das porcas deve ser construída atentando-se para os detalhes. Qualquer erro na construção poderá trazer graves problemas, como de umidade (empoçamento de fezes e urina), esmagamento de leitões e extremos de calor ou frio que provocam alta mortalidade de leitões.

Saiba mais

Criação de suínos: instalações de crescimento e terminação

Ao saírem da creche, os suínos devem ser destinados a uma instalação maior, na qual passarão pelas fases de crescimento e terminação até sua comercialização. Nessa nova instalação, o piso das baias pode ser totalmente ripado ou 2/3 compacto e 1/3 ripado.

Saiba mais

Fraturas ósseas em cães e gatos: você sabe classificar uma fratura?

A fratura é classificada como uma solução de continuidade do tecido ósseo. “Acontece devido a um trauma ou à fragilidade óssea causada por doença (fratura patológica)”, explica a professora Sâmara Turbay Pires, do VET Profissional.

Saiba mais

Necropsia em suíno: avaliação da carcaça

Na necropsia, todas as estruturas que compõem o organismo do animal são detalhadamente investigadas em busca de anormalidades que corroborem para elucidação do diagnóstico post mortem.

Saiba mais

Estenose aórtica em animais domésticos: um tipo de cardiopatia congênita que merece atenção

Cardiopatia congênita é o defeito morfológico na estrutura e função do coração ou dos grandes vasos, presentes no nascimento do animal. Ocorrem no desenvolvimento embrionário, podendo acometer cães e gatos. Aqui vamos conhecer a estenose aórtica, uma doença caracterizada pela obstrução parcial da via de saída do ventrículo esquerdo.

Saiba mais

Dermatofitose em Gato: como coletar amostras para o diagnóstico?

Quando nos deparamos com pacientes com lesões de pele circunscritas em determinadas áreas do corpo, é muito difícil fazer o diagnóstico observando apenas as características das lesões, pois essas se apresentam de modo semelhante para diferentes agentes ou causas.

Saiba mais

Staphylococcus aureus: bactéria de maior importância para a saúde animal

O Staphylococcus aureus é a bactéria que tem maior importância tanto para a saúde animal quanto pra saúde humana. “Ela pode ocasionar tanto infecções superficiais como profundas, além da produção de toxinas, muitas das quais responsáveis pelas toxinfecções alimentares”, explica Magna Coroa Lima, professora do VET Profissional.

Saiba mais

Histologia: qual a importância dessa disciplina para a Medicina Veterinária?

Uma das competências do médico veterinário é dar diagnósticos, procedimento que nem sempre envolve lesões e doenças. “Após uma análise, identificar que no órgão ou tecido não há alterações microscópicas também é uma forma de diagnosticar um paciente e é a histologia que fornece conhecimento para que o profissional consiga fazer esse tipo de verificação”, explica Rosyane Souza Cruzeiro, professora do VET Profissional.

Saiba mais

Garrotilho ou adenite equina: você sabe o que é?

Entre as principais afecções que acometem o sistema respiratório dos equinos, destaca-se o garrotilho, que também é chamada de adenite equina ou linfoadenite equina. Trata-se de uma patologia de difícil controle e para a qual ainda não há vacinas eficazes. Essa doença possui alta morbidade e baixa letalidade: os animais ficam doentes por um período, apresentando estado febril, e deixam de comer e de crescer.

Saiba mais

Saúde pública e a medicina veterinária: qual a ligação?

A saúde pública é o campo do saber e de práticas que considera a saúde um fenômeno social e, por isso, de interesse público. É também tecnológica e busca intervir visando evitar doenças, prolongar a vida e desenvolver a saúde.

Saiba mais

Fêmeas suínas: como detectar o cio?

A suinocultura é uma atividade que exige muita dedicação para se alcançar bons índices de produtividade e, consequentemente, obter resultados econômicos satisfatórios. Dentro das inúmeras técnicas de manejo diário de uma granja, o manejo reprodutivo é um dos principais pontos de atenção do suinocultor, onde não bastam bons padrões nutricionais e boas normas de manejo, se os índices reprodutivos não forem também elevados.

Saiba mais

Família enterobacteriaceae: conheça esse variado grupo de bacilos

A família enterobacteriaceae é composta por microrganismos gram-negativos, divididos em vários elementos e estruturas. Possui mais de 46 gêneros, 176 espécies e 263 subespécies e milhares de sorotipos. Pertence a essa família, a Escherichia coli, uma bactéria que, apesar de habitar naturalmente o organismo humano e animal, se subdivide em outros tipos capazes de causar doenças.

Saiba mais

Pesquisa de endoparasitas: conheça as principais técnicas

A pesquisa de endoparasitas nas fezes de animais serve para detectar a presença de vermes e protozoários no organismo do animal, o que pode causar doenças intestinais.

Saiba mais

Epidemiologia descritiva: você sabe o que é?

A epidemiologia descritiva é importante na área da medicina, cujo objetivo é examinar e descrever todos os fatores relacionados à incidência ou prevalência de uma doença e que podem ser responsáveis por seu desenvolvimento. Para isso, são considerados vários fatores, como sexo, idade, ocupação, estilo de vida etc.

Saiba mais

Melhoramento genético de suínos: vamos conhecer o histórico?

No melhoramento genético se modifica um rebanho em suas características fenotípicas, por meio de alterações na frequência de determinados genes, com o objetivo de aumentar a eficiência produtiva dos animais. Devem ser identificadas as características de maior impacto na produtividade e lucratividade da atividade e, a seguir, deve ser promovido o melhoramento, especificamente, para essas características.

Saiba mais

Cystoisospora: você conhece esse tipo de afecção?

Geralmente, as infeções por Cystoisospora ocorrem em animais jovens, associadas a situações estresse, deficiências sanitárias, doenças concomitantes ou subnutrição.

Saiba mais

Muda de penas das aves poedeiras: entenda esse processo

A muda anual é uma ocorrência natural, caracterizada pela perda de penas do corpo da ave e por um descanso ou pausa na produção de ovos. As aves nesse estado tornam-se fotorrefratárias, ou seja, não respondem aos estímulos luminosos, perdem o apetite e têm o peso corporal reduzido.

Saiba mais

Alimentação dos caprinos: o que deve ser pensado ao fazer o planejamento alimentar desses animais?

A alimentação está entre os principais fatores que contribuem para o bom desempenho produtivo e reprodutivo dos caprinos, de modo que uma dieta inadequada acarreta importantes prejuízos ao produtor, uma vez que provoca a queda da imunidade e torna o animal suscetível a doenças.

Saiba mais

Infecção do trato urinário em animais domésticos

A infecção do trato urinário (ITU) é uma doença frequente em cães, geralmente causada por bactérias, mas podendo também acontecer pela presença de fungos e vírus no organismo do animal.

Saiba mais

Incubação de ovos de galinha: como é feito esse procedimento?

Quando a incubação é feita de maneira artificial, é utilizada uma máquina, conhecida como chocadeira, a qual permite definir a umidade e a temperatura específicas para esse fim. Esses dois elementos influenciam diretamente no desenvolvimento do embrião, por isso, devem atender ao que é estabelecido pelos órgãos competentes, entre outros critérios.

Saiba mais

Coleta de lixo: qual a importância dessa atividade do saneamento básico?

Saneamento básico é o conjunto de ações políticas que visa promover a saúde da população. Essas ações englobam abastecimento de água potável, coleta de tratamento de lixo e esgoto, limpeza urbana, controle de pragas, entre outros, de modo que tais procedimentos evitem doenças e preservem o meio ambiente.

Saiba mais

Necropsia em suíno: exame externo, como devo começar a necropsia?

Você sabia que a necropsia é iniciada com o exame externo, o qual, às vezes, pode ser suficiente para definição do diagnóstico? Nesse exame, é analisado o histórico de vacinação, vermifugação, manejo adotado na propriedade, histórico clínico do rebanho e do cadáver. Esses dados são obtidos com o proprietário do animal e, ou com o médico veterinário responsável, por meio de conversas e registros sanitários.

Saiba mais

Coleta de sangue em aves: como proceder?

Os principais materiais que devem ser coletados e enviados corretamente para análise são sangue, soro, vísceras, secreções, fezes e DNA.

Saiba mais

Maternidade para criação de suínos: o que é necessário nas instalações?

No setor de maternidade, o maior desafio para a produção de suínos é a ambiência, já que as temperaturas de conforto térmico da porca e dos recém-nascidos são distintas.

Saiba mais

Vigilância ambiental e medicina veterinária: qual a ligação existente entre essas duas áreas?

“As ações da Vigilância Ambiental privilegiam o controle da água de consumo humano, controle de resíduos e de vetores de transmissão de doenças (especialmente insetos e roedores)”, explica Marcelo Dias da Silva, professor do VET Profissional, que é Mestre em Agroquímica e Doutor em Zootecnia.

Saiba mais

Microbiologia veterinária: conheça as enfermidades causadas por herpesvírus

A família Herpesviridae abriga um grupo grande e diverso de vírus. Os vírus da família Herpesviridae possuem uma importante propriedade biológica em comum: possuem uma grande capacidade de estabelecer infecções latentes em seus hospedeiros.

Saiba mais

Vai vacinar os ovinos? Veja os cuidados necessários com esse medicamento

A vacinação é uma das medidas sanitárias mais negligenciadas na ovinocultura. Isso se deve ao fato de que não há vacinas obrigatórias para ovinos.

Saiba mais

Fotoperíodo: como a luminosidade pode interferir na reprodução dos caprinos?

Como os caprinos mais usados na produção leiteira são animais poliéstricos estacionais, vão apresentar, ao longo de um ano, cios concentrados numa determinada época. É o fotoperíodo, ou seja, o comprimento do dia durante o outono que regula o aparecimento do ciclo reprodutivo.

Saiba mais

Uma solução para o lixo descartado? Aterro sanitário

O lixo descartado de forma inadequada atrai animais sinantrópicos, que buscam nesses resíduos água, abrigo e alimento. Esses animais são vetores de doenças, cuja vítima é o próprio homem. Além desse problema, o lixo gera chorume e gases altamente poluentes, assoreamentos, desvalorização de terrenos e enchentes.

Saiba mais

5 dicas para manejo de frango de corte

Para se manter entre os maiores produtores de frango do mundo, a criação de aves no Brasil passa por rigoroso controle de produção, uma vez que são muitas as enfermidades que afetam esses animais, sendo que algumas comprometem o plantel inteiro. Além disso, pesquisas voltadas para o melhoramento genético das aves tornaram possível que um frango alcançasse o ponto de abate em menos tempo, aumentando, assim, a produção.

Saiba mais

Medidas de biossegurança na criação de equinos: como garantir a imunização desses animais?

A imunização é o primeiro ponto a ser abordado de acordo com o Plano de Biosseguridade. Veja os principais conceitos e medidas relacionados à saúde e imunidade dos animais.

Saiba mais

Reprodução de ovinos: quais características devem ser observadas nas matrizes?

O manejo reprodutivo é um conjunto de práticas e técnicas que têm como objetivo melhorar a eficiência produtiva garantindo fertilidade ao parto, prolificidade e sobrevivência das crias.

Saiba mais

Contenção de caprinos para exames? Como realizar essa prática?

Na rotina de uma propriedade de criação de caprinos, é comum a realização de um conjunto de práticas relacionadas à lida com os animais. Entre essas práticas, destacam-se a contenção dos animais para realização de procedimentos, como exames, administração de medicamentos, pequenas cirurgias, entre outros.

Saiba mais

Necropsia em suínos: como deve ser feita a análise do coração?

Na necropsia é feita uma análise detalhada do cadáver, tanto da parte externa quanto da parte interna, e envolve exame dos órgãos, da carcaça e de todas as estruturas que compõem o organismo do animal em busca de sinais que possam levar à causa da morte. Nessa investigação também são coletados materiais para análise laboratorial.

Saiba mais

Suínos: você sabe quais são as raças mais utilizadas no sistema comercial?

A suinocultura é uma atividade de grande relevância nacional e mundial. Com uma produção e exportação expressiva, trata-se de um mercado altamente rentável e com tendência a crescer.

Saiba mais

Dermatites alérgicas em cães e gatos: como proceder ao receber esses animais no consultório?

Todas as vezes que se abordar um paciente alérgico ou qualquer paciente dermatológico, deve-se realizar o exame de triagem. Logo, o raspado cutâneo parasitológico, raspado cutâneo profundo e cultura fúngica devem ser feitos em todos os casos. Também testes diagnósticos, a fim de avaliar se o animal apresenta infecções secundárias, infecções bacterianas ou leveduriformes, devem ser realizados, pois tais doenças devem ser tratadas antes de se focar nas dermatites alérgicas.

Saiba mais

O que é saúde única? Vamos entender!

Há muito tempo já se sabe que condições ambientais inadequadas, frequentemente provocadas pelo próprio homem, afetam a saúde humana e animal por favorecerem a proliferação de microrganismos nocivos. Também é de conhecimento geral que muitas doenças veterinárias podem afetar o homem e vice-versa, provocando surtos, epidemias e até mesmo pandemias.

Saiba mais

Carne caprina: conheça as características dessa carne de grande aceitação e alto valor econômico

A carne caprina possui boa aceitação (uma das carnes mais consumidas do mundo) e grande valor econômico. É uma carne vermelha de boa qualidade, com bastante teor de proteína de alto valor biológico e baixa porcentagem de gordura.

Saiba mais

Vazio sanitário na criação de frango e galinha caipira: entenda o que é!

O veterinário desempenha atividade fundamental na orientação dos pequenos produtores rurais quanto ao manejo adequado das aves, além de ser responsável por verificar os cuidados sanitários empregados na produção caipira. Dentre os cuidados sanitários que os produtores de frangos e galinhas caipiras devem ser orientados, está a forma correta de realizar o vazio sanitário.

Saiba mais

Seleção de reprodutores suínos: quais características devem ser observadas?

O macho selecionado deve apresentar sinais de masculinidade, apresentando cabeça robusta, peito e pescoço bem desenvolvidos, e dorso bem desenvolvido; possuir comportamento sexual ativo; deve ser um bom exemplar da sua linhagem e possuir todos os caracteres que se recomendam a um bom reprodutor.

Saiba mais

Vigilância epidemiológica em zoonoses: como o veterinário deve atuar nessa área?

Na medicina veterinária, a epidemiologia representa uma importante ferramenta, pois estuda os agravos que acometem uma população, sendo utilizada para diagnóstico, rotina e prevenção de doenças dos pacientes e da coletividade.

Saiba mais

Os equinos também são acometidos por afecções no trato urinário? Entenda!

As afecções do trato urinário podem ser pré-renais e renais, relacionadas ao rim, e afecções pós-renais, relacionada principalmente a obstruções. As afecções renais e pré-renais são mais difíceis de diagnosticar, já que podem estar relacionada a outras doenças de outros sistemas do organismo.

Saiba mais

Artrite Encefalite Caprina (CAE): entenda como ocorre essa enfermidade!

A Artrite Encefalite Caprina (CAE) é uma enfermidade causada por vírus de RNA não oncogênico pertencente à família Retroviridae, um vírus do gênero Lentivírus, e afeta as células do sistema monocítico fagocitário (SMF), ou seja, células do sistema imune.

Saiba mais

Cardiomiopatia hipertrófica felina: como diagnosticar?

Gato apresentado intolerância ao exercício, letargia, coxins pálidos ou cianóticos, taquipneia ou dispneia... Esses sintomas podem ser sinal de cardiomiopatia hipertrófica.

Saiba mais

Fermentação microbiana: vamos recordar o que ocorre nesse processo?

Geralmente, quando se fala em microrganismos, a primeira associação que se faz são as doenças. É verdade que muitos microrganismos são responsáveis por patologias que afetam animais e seres humanos, mas muitos também são utilizados de formas benéficas.

Saiba mais

Doença renal policística em gatos: você conhece essa doença?

Você já ouviu falar em doença renal policística? Não? A doença renal policística é uma doença autossômica dominante, com causa hereditária, caracterizada pela expansão de segmentos tubulares formando os cistos renais.

Saiba mais

Glomerulonefropatias em animais domésticos: você conhece a glomerulonefrite?

As glomerulonefropatias são doenças glomerulares consideradas como principais causas de doença renal crônica em cães, prevalecendo a ocorrência em animais de meia idade e idosos.

Saiba mais

Doença renal crônica em animais domésticos: saiba mais sobre essa doença

A doença renal crônica é a enfermidade degenerativa mais comum em cães e gatos idosos. É irreversível e caracterizada por uma perda progressiva dos néfrons e da função renal.

Saiba mais

FeLV: A doença infecciosa felina que mais mata no Brasil

FeLV é a sigla para Leucemia Viral Felina (do inglês “Feline Leukemia Virus”), doença infectocontagiosa não zoonótica mais relacionada à doença clínica e à mortalidade de felinos no Brasil. Seu nome popularmente é acompanhado pela sigla de outra infecção, a FIV, mas é importante que o médico veterinário esclareça aos tutores que não existe a doença “FIV/FeLV” (embora o animal possa ser diagnosticado com as duas), pois são patologias diferentes, com sinais clínicos distintos.

Saiba mais

Doença no rebanho: como verificar o comportamento dessa doença?

Quando um animal fica doente, a primeira coisa a ser ponderada é se ele adoeceu em isolamento ou a partir do contato com locais diferentes ou outros animais/populações. Um animal adquirido em um leilão, por exemplo, pode levar para a propriedade uma doença que ainda não existia lá.

Saiba mais

Doenças nutricionais em equinos: conhceça a Paralisia Periódica Hipercalêmica (PPH)

A Paralisia Periódica Hipercalêmica (PPH) é uma doença genética autossômica dominante, também chamada de doença do Impressive (garanhão da raça quarto de milha que foi o principal disseminador da doença), ou paralisia periódica induzida por potássio.

Saiba mais

Lançamento VET Profissional: Disciplina Suínos - Produção e Principais Doenças

A suinocultura é um dos nichos de mercado mais atraentes para se investir no Brasil graças às possibilidades de produtividade e rentabilidade. A atividade gera impacto na economia do país e apresenta índices de crescimento maiores a cada ano que passa. Porém, essa atividade pode sofrer enormes prejuízos devido a várias doenças que podem afetar os animais.

Saiba mais

Doenças bacterianas em caprinos podem causar mortalidade dos animais?

É de grande importância saber identificar as doenças bacterianas de alta morbidade e de alta mortalidade em caprinos, sabendo quais são as mais prevalentes em jovens, conhecendo as práticas de diagnóstico, tratamento, profilaxia e controle dessas doenças nos caprinos.

Saiba mais

Raiva em ovinos? Saiba como identificar essa doença de alta mortalidade para o rebanho

Para estabelecer o manejo sanitário de forma eficiente é fundamental o conhecer as doenças que ocorrem em determinada região. As doenças virais de alta mortalidade mais comuns em ovinos são raiva e língua azul.

Saiba mais

Febre aftosa: o que causa essa doença altamente contagiosa?

A febre aftosa é uma doença causada por vírus da família Picornaviridae. Esse vírus é de grande transmissibilidade entre animais, como bovinos, ovinos, caprinos, suínos e outros biungulados selvagens. Causa uma doença vesicular transmissível. Possui alta morbidade e mortalidade moderada em animais jovens, acarretando em perdas econômicas.

Saiba mais

Dermatite canina: saiba tudo sobre essa doença

Um dos problemas mais comuns em pets é a dermatite canina. De forma resumida, a dermatite é uma doença na pele do animal, que provoca coceira, vermelhidão e o surgimento de pequenas feridas. Um dos exemplos mais conhecidos dessa doença é a sarna, mas também há outros como a micose e a escabiose.

Saiba mais

As principais doenças dos suínos

Mariana Costa Fausto, professora do VET Profissional, contextualiza que a suinocultura é um dos nichos de mercado mais atraentes para se investir no Brasil graças às possibilidades de produtividade e rentabilidade. Os números da atividade no país são animadores e têm levado cada vez mais criadores a entrar no ramo.

Saiba mais

Quais principais doenças periodontais que acometem cães e gatos?

Doença periodontal é a enfermidade mais comum da cavidade oral de cães e gatos. Inicia-se por acúmulo de bactérias na superfície dos dentes e progride até os tecidos de sustentação que formam o periodonto, que são gengiva, osso alveolar, cemento e ligamento periodontal.

Saiba mais

Classificação de doenças na medicina de produção de bovinos

A medicina de produção se baseia no gerenciamento das informações coletadas para a elaboração de um diagnóstico, de modo que essas informações englobam a realidade da propriedade atendida e das do seu entorno, a identificação de cada animal, o levantamento do histórico clínico de todas as doenças que o animal atendido teve ao longo da sua vida, anotação dos parâmetros produtivos, reconhecimento das estruturas da propriedade, entre outros.

Saiba mais

Lista de doenças de notificação compulsória: você sabe o que significa essa lista?

O conhecimento das doenças prevalentes em uma localidade é essencial para o planejamento estratégico de saúde pública. A lista de doenças de notificação compulsória fornecem informações de forma rápida e ágil, oferecendo subsídios para a tomada de decisão, permitindo a implementação de medidas de prevenção e de controle dos agravos.

Saiba mais

Dermatofilose em equinos: conheça essa doença que acomete a pele de diversos animais

A dermatofilose é uma doença infectocontagiosa aguda ou crônica. Seu agente etiológico é a bactéria Dermatophilus congolensis, que gera uma dermatite exsudativa, com erupções crostosas e escamosas.

Saiba mais

DTUIF - Doença do Trato Urinário Inferior dos Felinos: o que é? Como se apresenta? Quais são as causas?

“O que caracteriza essa enfermidade são sinais clínicos relacionados ao trato urinário inferior, como a hematúria, periúria, disúria e polaciúria”, explica Luiz Eduardo Duarte de Oliveira, Médico Veterinário e Professor do VET Profissional, que é Mestre em Ciências Veterinárias.

Saiba mais

Leishmaniose visceral canina: você conhece essa doença imitadora?

A Leishmaniose visceral canina é uma doença de difícil diagnóstico, pois o cão pode estar infectado e não apresentar nenhum sintoma. Ou ainda, apresentar sinais clínicos que apontam para outras doenças.

Saiba mais

Doença periodontal em cães: o que é e como tratar?

A doença periodontal é uma doença muito comum e em cães, atingindo pacientes de qualquer faixa etária. Trata-se de uma afecção que ataca a gengiva e os tecidos de sustentação dos dentes.

Saiba mais

Cinomose: conheça a principal doença infecciosa canina

A cinomose é um doença canina viral de importância mundial e endêmica no Brasil. Felizmente, ela não é uma zoonose, mas sua taxa de mortalidade entre os animais infectados que não conseguem uma eficiente resposta imune contra o vírus é muito alta.

Saiba mais

Aprenda a como realizar o exame físico externo para diagnosticar doenças em aves

Os médicos veterinários devem sempre orientar criadores de aves domésticas a nunca ignorarem nenhum sinal de doença observado em sua criação, por menor que ele seja. Em granjas, como o número de animais convivendo muito próximos é elevado, infecções se propagam rapidamente, o que pode ocasionar descarte de plantéis inteiros.

Saiba mais

Pulorose, doença de alta mortalidade em granjas de aves jovens

A pulorose é uma doença causada pela Salmonella pullorum, um bacilo imóvel sem flagelo. Afeta exclusivamente aves, principalmente as jovens, desencadeando a chamada diarreia branca bacilar. “É uma doença de alta mortalidade, que chega a afetar 90% do plantel quando acontece”, explica Prof. Marcelo Dias, do VET Profissional.

Saiba mais

Manejo sanitário na caprinocultura: quais medidas necessárias para esse manejo?

O manejo sanitário são práticas utilizadas visando diminuir o aparecimento de doenças em um rebanho e reduzir o impacto econômico. “Servem para controlar as influências negativas do meio ambiente de modo a prevenir ou controlar doenças já existentes”, explica a Dr.ª Magna Coroa Lima, Médica Veterinária e professora do VET Profissional, que é Doutora em Medicina Veterinária e Mestre em Zootecnia.

Saiba mais

Doenças articulares em raças pequenas: conheça a anatomia e os achados radiográficos dessas doenças

As articulações são as estruturas que impedem o atrito dos ossos no ponto em que a parte distal de um osso se liga à parte proximal de outro. Elas que permitem a mobilidade do corpo.

Saiba mais

Aprenda a realizar o exame físico externo para diagnosticar doenças em aves

Os médicos veterinários devem sempre orientar criadores de aves domésticas a nunca ignorarem nenhum sinal de doença observado em sua criação, por menor que ele seja. Em granjas, como o número de animais convivendo muito próximos é elevado, infecções se propagam rapidamente, o que pode ocasionar descarte de plantéis inteiros.

Saiba mais

Veterinário: dicas para identificar a Micoplasmose em galinhas

Nos anos de 1980, o Brasil passou por um grave problema na avicultura, quando foram constatados lotes de aves com problemas de doença crônica respiratória – DCR. Ao se investigar a causa dessa situação, descobriu-se que a micoplasmose era a doença responsável pelo quadro clínico de inúmeras aves.

Saiba mais

Antibióticos errados fazem aves criarem resistência às doenças respiratórias

A utilização errônea e o uso frequente de antibióticos na criação avícola fizeram com que, com o passar do tempo, os galináceos desenvolvessem resistências microbianas às bactérias causadoras de doenças respiratórias recorrentes. Por isso, o Ministério da Agricultura Pecuária e Desenvolvimento (MAPA) passou a realizar o monitoramento do uso de antibióticos na produção avícola brasileira, principalmente em produções dedicadas ao mercado externo. Em diversos países, há uma série de restrições ao consumo de aves que foram medicadas com antibióticos.

Saiba mais

Hipertensão pulmonar em cães e gatos: você conhece essa doença?

A hipertensão pulmonar (HP) é uma doença progressiva, grave, de alta incidência, caracterizada pela elevação anormal e persistente da pressão na vasculatura pulmonar e consequente aumento da pressão arterial pulmonar (≥ a 25 mmHg). Pode ser classificada em HP arterial e HP venosa.

Saiba mais

Degeneração mixomatosa valvar em cães: você conhece essa doença?

A degeneração mixomatosa valvar é uma doença degenerativa das valvas atrioventriculares, sendo a maior causa de insuficiência cardíaca congestiva (ICC) em cães. Como característica está à degeneração mixomatosa, acompanhada de uma fibrose valvar crônica.

Saiba mais

Equinos: como diagnosticar doenças do sistema nervoso?

O exame semiológico do sistema nervoso começa com a avaliação geral do animal, desde a identificação, anamnese e histórico de vacinações e vermifugações, dando atenção ao estado mental do animal, sua postura, alterações anatômicas e de ambulações.

Saiba mais

Influenza equina: um tipo de afecção viral que acomete o sistema respiratório de equinos

A influenza equina é uma doença respiratória aguda de etiologia viral causada por duas cepas de ortomixovírus: Influenza A/equina 1 (H7N7) e Influenza A/equina 2 (H3N8).

Saiba mais

Cetose e esteatose hepática em vacas leiteiras: conheça duas doenças metabólicas que ocorrem simultaneamente no animal

A cetose é uma desordem metabólica associada ao balanço energético negativo e à carência de carboidratos precursores de glicose, típicas do período do parto de vacas de elevada produção de leite. Enquanto a esteatose hepática é a condição na qual ocorre acúmulo de triglicerídeos dentro dos hepatócitos (acúmulo de gordura nas células do fígado).

Saiba mais

Anemia infecciosa equina: você conhece essa doença?

A anemia infecciosa equina (AIE) é uma doença de etiologia viral causada por um retrovírus da subfamília Lentivirinae, família Retroviridae.

Saiba mais

Fisite em equinos: você conhece essa Doença Ortopédica Desenvolvimentar (DOD)?

As Doenças Ortopédicas Desenvolvimentares (DOD) são distúrbios do que acontecem durante o desenvolvimento do animal, relacionados a alteração na formação óssea.

Saiba mais

Os carrapatos causam doenças? Quais são os prejuízos que esses ectoparasitas podem trazer aos animais domésticos?

Os carrapatos são ectoparasitas obrigatórios que podem sobreviver por anos, estando proximamente relacionados aos ácaros.

Saiba mais

Salmonella: qual a importância dessa bactéria na avicultura?

Entre as doenças que ocorrem na avicultura, existem aquelas que acometem apenas alguns animais, e outras que, por serem altamente contagiosas, obrigam o produtor a descartar toda a sua criação. Nesse contexto, a salmonelose, que consiste em um complexo de doenças bacterianas, destaca-se por causar problemas sanitários tanto à avicultura quanto aos seres humanos.

Saiba mais

Linfadenite caseosa em ovinos: você conhece essa enfermidade?

As doenças bacterianas são uma grande preocupação na criação animal, uma vez que as bactérias são microrganismos geralmente persistentes, exigindo tratamento medicamentoso intenso.

Saiba mais

Parvovirose: conheça essa doença infecciosa que acomete os cães jovens

A parvovirose canina é uma doença causada por vírus que acomete animais jovens na maior parte dos casos, inclusive filhotes. O quadro clínico mais expressivo da infecção é a diarreia com sangue.

Saiba mais

Enterotoxemia em ovinos: você conhece essa doença de alta mortalidade?

Há diversas enfermidades causadas pelo gênero Clostridium. De modo geral, são denominadas de Clostridioses. Dentre as clostridioses, uma que requer atenção é a enterotoxemia.

Saiba mais

Erliquiose canina: conheça essa doença severa, mas de fácil tratamento

A Erliquiose é uma das principais doenças infectocontagiosas em animais domésticos. É causada por hemoparasitas da ordem Rickettsiales e do gênero Ehrlichia spp. São parasitas intracelulares obrigatórios de células monocelulares e células hematopoiéticas maduras ou imaturas. A principal espécie que acomete os cães é a Ehrlichia canis.

Saiba mais

Pasteurelose aviária: conheça essa séria doença de alcance mundial

A pasteurelose também é conhecida como “cólera aviária” devido aos sintomas e índice de mortalidade, causada pela bactéria Pasteurella multocida em aves que lembra a ação endêmica provocada pelo vibrião da cólera em seres humanos.

Saiba mais

Acidose ruminal em bovinos leiteiros: como essa doença reflete em outros órgãos?

A acidose ruminal se apresenta de forma crescente na maioria dos rebanhos, por ser uma doença que possui relação entre nutrição e o seu desenvolvimento.

Saiba mais

Doença de maior impacto no sistema de produção de leite? A Mastite!

A real importância da mastite no sistema de produção de leite está relacionada a três fatores: trata-se da doença de maior impacto direto na diminuição da produção e qualidade do leite; causa enormes perdas econômicas para a indústria leiteira; e inviabiliza a atividade dos produtores pecuaristas. Por isso, é fundamental que o médico veterinário conheça as características da doença, bem como quais são as novidades que estudos e pesquisas já realizados sobre a mastite revelam.

Saiba mais

Sr. Veterinário: saiba mais sobre a bactéria Salmonelose

Segundo Prof. Marcelo Dias, do VET Profissional, “o gênero Salmonella é composto por inúmeras espécies, havendo grupos que causam grandes problemas sanitários na avicultura e outros que causam importantes doenças nos seres humanos”. Existem três grandes grupos de doenças associadas à salmonela, sendo duas delas de grande prejuízo para a avicultura: - Tifo, causada por Salmonella gallinarum. - Pulorose, causada por Salmonella pullorum. - Paratifo, causada por Salmonella spp. (as principais são Salmonella enteritidis e Salmonella typhimurium).

Saiba mais

Aves em estado crítico: o que o veterinário deve fazer?

As aves quando chegam em clínicas, geralmente, já se encontram em estado crítico. “Elas são pacientes diferentes, não são como os cães e os gatos, porque mascaram os sinais clínicos de doenças. Devido a isso, os seus responsáveis normalmente não percebem quando elas começam a adoecer e a doença se agrava”, explica Letícia Bergo Coelho Ferreira, Professora do VET Profissional.

Saiba mais

A tuberculose bovina e a forma comum de transmissão

A tuberculose bovina é uma doença que ocorre em praticamente todo o mundo, sendo a América do Sul um dos locais de maior incidência. No Brasil o problema é preocupante e se constitui em um grave problema de saúde pública. Os principais prejuízos causados pela tuberculose são a diminuição da produção de leite e de carne e a perda de animais que, dependendo do sistema de produção, pode ser disseminada rapidamente entre o rebanho, explica Prof. Leonardo Cotta Quintão, professor do VetProfissional. Por apresentar sinais comuns de várias enfermidades, a identificação dessa doença exige métodos complementares.

Saiba mais

Clostridioses em bovinos: doenças bacterianas de alta mortalidade

As Clostridioses são um complexo de enfermidades que ocorrem de forma muito rápida e fatal, e é causado por bactérias do gênero Clostrídios. Essas bactérias têm capacidade de esporulação, e são encontradas nas fezes dos animais, no solo, entre outros, explica Marcelo dias da Silva, Professor do VET Profissional.

Saiba mais

Hipocalcemia em vacas: você conhece essa doença?

A hipocalcemia, também conhecida como febre do leite, hipocalcemia pós-parto, paresia puerperal ou febre vitular, é uma disfunção neuromuscular progressiva caracterizada pela diminuição na concentração plasmática do cálcio, acometendo mais as vacas leiteiras. Geralmente ocorre no período de transição, uma vez que esse período demanda muito cálcio do organismo do animal.

Saiba mais

Caprinos e as doenças parasitárias que os acometem - ectoparasitas

Apesar de sua rusticidade, os caprinos são bastante sensíveis às parasitoses, as quais afetam seu desempenho. Considerando a grande importância social e econômica da caprinocultura, é preciso que os criadores sigam rigorosamente as medidas de manejo adequadas para evitar esse problema, possibilitando, assim, maior desenvolvimento da atividade.

Saiba mais

Bactérias do gênero Brucella: conheça esse gênero de bactérias responsável por causar doenças em animais e humanos

Os microrganismos que compõem o gênero Brucella são cocobacilos gram-negativos, intracelulares facultativos, possuem um sistema reprodutor e células reticuloendoteliais e causam infecção de caráter crônico.

Saiba mais

Animais sinantrópicos: você sabe o que são?

Animais sinantrópicos são aqueles que, embora indesejados pelo homem, vivem no espaço urbano devido às condições de alimentação e abrigo que o ambiente proporciona. São pragas que transmitem doenças ou são peçonhentos.

Saiba mais

Quarentena de fêmeas suínas: o que é e como fazer?

A quarentena é uma estrutura separada do galpão principal para onde devem ser encaminhadas as fêmeas recém-chegadas à granja. Lá, elas permanecerão por tempo suficiente até que se verifique a ausência de doenças e outros fatores contaminantes trazidos de fora que podem comprometer todo o plantel principal.

Saiba mais

Fisiopatogenia das doenças ósseas metabólicas: vamos entender o que é?

O corpo sempre busca o equilíbrio. Em relação ao sistema ósseo, o principal equilíbrio é entre cálcio e fósforo séricos e dos ossos, o que quer dizer que, sempre que precisar, o corpo vai retirar esses minerais dos ossos ou do sangue para desempenhar suas funções.

Saiba mais

Suínos recém-nascidos: como organizar a mamada dos leitões?

Através do colostro, os leitões recebem uma série de anticorpos maternos. Esse processo é o que chamamos de imunidade passiva e mantém os filhotes imunizados durante um bom período dentro da granja.

Saiba mais

Vírus: conheça esse microrganismo responsável por diversas doenças

Os vírus são organismos acelulares, possuidores de uma estrutura formada basicamente por proteínas e ácido nucleico. Esse microrganismo não se desenvolve em um meio de cultura. É preciso que haja um organismo hospedeiro, pois ele é um parasita obrigatório.

Saiba mais

Mastite: doença muitas vezes provocada por humanos. Entenda!

As mastites correspondem à principal enfermidade que acomete rebanhos leiteiros em todo o mundo.

Saiba mais

Cardiomiopatia dilatada em cães: como diagnosticar?

O animalzinho apresenta fraqueza, letargia, intolerância ao exercício, dispneia entre outros sintomas? Saiba que isso pode ser sinal de cardiomiopatia dilatada.

Saiba mais

Hiperadrenocorticismo Canino (HAC): conheça os efeitos do excesso de cortisol no organismo canino

Hiperadrenocorticismo Canino (HAC), também conhecido como Doença de Addison ou Síndrome de Cushing, é uma síndrome clínica decorrente do excesso de produção de cortisol no organismo animal.

Saiba mais

Médico veterinário, você está preparado para atender uma ave em estado crítico?

As aves quando chegam às clinicas, geralmente já se encontram em estado crítico. Elas são pacientes diferentes, não são como os cães e os gatos, porque mascaram os sinais clínicos de doenças, então os seus responsáveis normalmente não percebem quando elas começam a adoecer e nisso a doença se agrava.

Saiba mais

Febre do Nilo Ocidental (FNO) em equinos: importante doença que afeta o sistema nervoso do animal

A febre do Nilo é uma doença de etiologia viral (flavivirus; família Flaviviridae) que conta com 65 espécies de mosquitos e 326 espécies de pássaros como vetores.

Saiba mais

Quais os tipos de mastite?

Os produtores de leite sabem que a mastite é uma doença que merece atenção. Isso porque ela exerce influência direta na qualidade do seu produto principal: o leite. Além de prejudicá-lo, também produz prejuízos financeiros diretos, devido à necessidade de tratamento dos animais doentes.

Saiba mais

Bovinos devem ser casqueados? Por quê?

Os cascos têm por finalidade a sustentação e a locomoção dos bovinos, daí sua estrutura rígida e sua forma de crescimento. O casqueamento tem como principal objetivo prevenir doenças dos cascos em animais estabulados e mesmo mantidos em piquetes.

Saiba mais

Trabalhando com leitões recém-nascidos? Aprenda a administrar o colostro!

Trabalhando com leitões recém-nascidos? Saiba, então, que o colostro é a primeira vacina do filhotes. É necessário que a leitegada beba uma quantidade razoável de colostro para garantir um futuro saudável, livre de doenças. Através do colostro, os leitões recebem uma série de anticorpos maternos. Esse processo é o que chamamos de imunidade passiva e mantém os filhotes imunizados durante um bom período dentro da granja.

Saiba mais

Doenças respiratórias em galinhas: como surgem

O microambiente em que vivem as aves e as condições do galpão, com frequência, favorecem a ocorrência de problemas respiratórios e a proliferação de enfermidades bacterianas, afirma Marcelo Dias, Professor do VET Profissional.

Saiba mais

Medula espinhal: ponto-chave na fisioterapia veterinária

A medula espinhal é de suma importância na fisioterapia veterinária, pois os traumas e doenças medulares são causas frequentes de proprietários buscarem a ajuda de um fisiatra. “Os comandos principais de movimentos do animal que passam por toda a medula espinhal são chamados neurônios motores”, afirma Ana Carolina Silva Faria, professora do VET Profissional.

Saiba mais

Sr. Veterinário, saiba mais sobre doenças respiratórias em granjas de frangos

A questão respiratória é um dos pontos que mais preocupa a sanidade avícola, seja na criação de pequenos produtores, seja da avicultura industrial. “O microambiente em que vivem as aves e as condições do galpão, com frequência, favorecem a ocorrência de problemas respiratórios e a proliferação de enfermidades bacterianas”, afirma Marcelo Dias, Professor do VET Profissional.

Saiba mais

Importância do sistema reprodutivo para clínica de bovinos

Independente do sistema de produção, os aspectos próprios da reprodução e os índices reprodutivos podem auxiliar no diagnóstico de doenças de vários sistemas. Um exemplo disso é a possibilidade de suspeitar que afecções podais estão ocorrendo no rebanho devido à baixa taxa de prenhez, pois, como as vacas não demonstrarão cio montando umas nas outras por causa da possível dor na pata, elas não serão submetidas à inseminação ou qualquer que seja o método de concepção utilizado pela propriedade.

Saiba mais

Anemia infecciosa equina: saiba mais sobre essa doença

A anemia infecciosa equina (AIE) é uma doença de etiologia viral causada por um retrovírus da subfamília Lentivirinae, família Retroviridae. “A transmissão se dá a partir da transferência de sangue ou derivados sanguíneos contaminados, seja por via fômite ou por picadas de insetos, e ainda de forma intrauterina e seminal”, explica Maria Gazzinelli, Professora do VET Profissional.

Saiba mais

Sr. Veterinário, saiba mais sobre o Programa Nacional de Sanidade Avícola - PNSA

Devido à importância das doenças tifo aviário e pulorose, o MAPA desenvolveu um Programa Nacional de Sanidade Avícola (PNSA) que possui uma série de normatizações para proteger o plantel avícola nacional, explica Marcelo Dias, Professor do VET Profissional. Conforme a legislação do PNSA - Plantéis de reprodução devem ter certificação dos núcleos e granjas avícolas livres de Salmonella gallinarum e Salmonella pullorum, e controlados para Salmonella enteritidis e Salmonella typhimurium em todas as unidades da Federação.

Saiba mais

Estenose aórtica: o que é e como acontece?

A estenose aórtica é uma doença caracterizada pela obstrução parcial da via de saída do ventrículo esquerdo. Esta enfermidade pode ocorrer nas estenoses subvalvar (mais comum), valvar e supravalvar. “Acontece tanto em animais sem raça definida, quanto nos de raça, porém é mais comum em animais de raças grandes e gigantes, como Golden Retriever, Dogue Alemão, Samoieda, Terra Nova, Boxer, dentre outros”, explica Luiz Eduardo, professor do VetProfissional.

Saiba mais

Clostridioses em caprinos: doenças bacterianas de alta mortalidade

As Clostridioses são um complexo de enfermidades que ocorrem de forma muito rápida e fatal em caprinos, e são causadas por bactérias do gênero Clostrídios. Essas bactérias têm capacidade de esporulação, e são encontradas nas fezes dos animais, no solo, entre outros, explica Dra. Magna Coroa Lima, Professor do VET Profissional.

Saiba mais

Epidemiologia: qual a sua importância para o médico veterinário?

A epidemiologia (Epi-: sobre; -demos-: povo ; -logia: estudo) consiste em estudar “aquilo que se abate sobre o povo”: as epidemias. “É função da epidemiologia conhecer detalhadamente as doenças e buscar intervenções. Nesse contexto, a medicina veterinária se insere tanto na saúde pública quanto no controle de doenças em animais”, explica Marcelo Dias da Silva, professor do VET Profissional.

Saiba mais

Mortalidade e morbidade: entenda o que são esses índices

“A mortalidade e morbidade são indicadores que podem ser utilizados tanto na saúde humana quanto veterinária, agindo, em ambos os casos, para a profilaxia de doenças, avaliação e planejamento de ações sanitárias e observação e constatação de epidemias”, explica Marcelo Dias da Silva, professor do VET Profissional.

Saiba mais

Encefalomielite em equinos: diagnóstico, sintomas e tratamento

Você sabe o que é a encefalomielite? É uma doença de etiologia viral cujos reservatórios são aves, roedores e répteis. É uma zoonose, portanto, sua notificação é obrigatória, e sua transmissão se dá por picada de mosquitos.

Saiba mais

Insuficiência cardíaca congestiva em cães e gatos: quais são as características dessa síndrome?

A insuficiência cardíaca congestiva é uma síndrome clínica decorrente de diversas doenças cardíacas. É caracterizada por altas pressões de enchimento do ventrículo (direito ou esquerdo), levando a uma congestão sanguínea.

Saiba mais

Vacinação na avicultura: quais principais características dessas vacinas?

O preço pago para não ter problemas sanitários em um plantel é muito menor do que os prejuízos gerados pelo descarte de toda a criação afetada por uma grave enfermidade. “Desse modo, investir em programas de sanidade animal é um dos métodos de prevenção de doenças mais eficazes atualmente, desde que elaborado com responsabilidade”, explica Marcelo Dias da Silva, Médico Veterinário e Professor do VET Profissional, que é Mestre em Agroquímica e Doutor em Zootecnia.

Saiba mais

Broncopneumonia em equinos: veja como alguns descuidos pode favorecer essa doença

Um animal foi transportado por cerca de 100 km até um evento de cavalgada, por onde permaneceu em exercício físico intenso até a noite, retornando em uma carreta aberta, sem proteção contra o vento.

Saiba mais

Febre maculosa? Como ocorre a transmissão dessa doença?

A febre maculosa é uma doença causada pela bactéria Rickettsia Gram-, cujo vetor são os carrapatos do gênero Amblyommas da família Ixodidae. No Brasil, a maior parte dos casos acontece na região sudeste.

Saiba mais

Demodiciose canina: você conhece esse tipo de dermatite parasitária que acomete os cães?

O que são dermatites? Dermatites são inflamações cutâneas que podem gerar vermelhidão, coceira, bolhas, odores ruins, entre outros, que incomodam muito o animal a ponto de provocar lesões mecânicas devido ao ato de coçar.

Saiba mais

Síndrome do osso navicular em equinos: o que é?

A síndrome do osso navicular possui características (histológicas, radiográficas e ultrassonográficas) de uma doença articular degenerativa crônica, como a osteoartrite. Sendo assim, muitas vezes não ocorrerá uma evolução positiva com relação ao tratamento.

Saiba mais

Salmonella: quais são as características e perigo desta família de bactérias?

As bactérias do gênero Salmonella pertencem à família Enterobacteriaceae, são patógenos primários, ou seja, produzem doenças e causam inúmeros prejuízos a diversas espécies de animais e em humanos, com enorme frequência. Além disso, representam uma preocupação muito grande na cadeira alimentar de carnes, ovos e produtos processados.

Saiba mais

Micoplasmoses em caprinos: você conhece essa enfermidade?

Na caprinocultura existem doenças que podem causar prejuízos importantes à produção. A micoplasmose é uma das principais doenças bacterianas que acomete os caprinos.

Saiba mais

Dermatite de dobras cutâneas: você conhece essa doença de pele que acomete os cães? Sabe quais tratamentos indicar?

Conhecida também como intertrigo e piodermite de dobras cutâneas, a dermatite de dobras cutâneas é uma infecção bacteriana muito comum em cães com grande quantidade de dobras corporais cutâneas (Shar-pei, Basset Hound, Dachshund).

Saiba mais

Mieloencefalite protozoária equina: você conhece essa infecção?

A mieloencefalite protozoária equina (EPM) é causada pelo protozoário Sarcocystis neurona que tem como hospedeiro definitivo os gambás e como hospedeiro intermediário outros animais silvestres.

Saiba mais

Alterações patológicas mais recorrentes no sistema reprodutivo de fêmeas bovinas: como diagnosticar?

As patologias mais comuns encontradas, tanto em fazendas de leite quanto de corte, são o cisto ovariano (folicular e luteínico) e o tumor das células da granulosa.

Saiba mais

Displasia coxofemoral em cães e gatos: qual a importância do posicionamento radiográfico para diagnóstico dessa doença?

A displasia coxofemoral acomete todas as espécies, principalmente cães de grande porte. Também pode acontecer em gatos, porém é mais raro. Ocorre devido a uma doença hereditária poligênica, com alterações fenotípicas acontecendo cedo e tardiamente.

Saiba mais

O que é a torção gástrica em cães?

Gustavo Carvalho Cobucci, Médico Veterinário, Mestre em Clínica Médica e Cirúrgica de Cães e Gatos e professor do VET Profissional, explica que "um bom veterinário deve conhecer a fundo todos os problemas que os animais podem apresentar, para conseguir diagnosticar e curá-los da forma mais rápida e eficiente possível".

Saiba mais

O câncer de mama também atinge os pets? Sim!

A saúde dos nossos pets é algo com o que devemos nos preocupar. A castração, tida como um procedimento que gera muitas dúvidas, é importante na prevenção de alguns problemas, como a piometra e o câncer de mama em fêmeas. Mas, afinal, os pets também sofrem com câncer de mama? A resposta é sim!

Saiba mais

Anamnese em cães e gatos para a identificação de problemas de pele

É mesmo possível realizar anameses em cães e gatos para a identificação de problemas de pele? Sim, é. A anamnese inicia-se pela queixa principal do proprietário e deve se desenvolver por meio de uma série de perguntas feitas pelo médico veterinário, relativas ao sistema tegumentar que irão orientá-lo na identificação das alterações, bem como sugerir exames complementares.

Saiba mais

Cólera aviária: aprenda um pouco sobre essa doença

A pasteurelose também é conhecida como “cólera aviária” devido aos sintomas e índice de mortalidade causados pela bactéria Pasteurella multocida em aves, "que lembra a ação endêmica provocada pelo vibrião do cólera em seres humanos", afirma o Médico Veterinário e Zootecnista Marcelo Dias.

Saiba mais

Sr. Veterinário, conheça as principais afecções causadoras de aborto em bovinos

A duração da gestação pode apresentar importância clínica para os bezerros, pois gestações 3 ou 4 dias mais curtas do que o normal pode gerar bezerros mais leves, os quais têm mais dificuldade em absorver nutrientes, e consequentemente, tendem a ter mais problemas. Normalmente, a gestação de taurinos dura aproximadamente 285 dias enquanto a gestação de zebuínos dura aproximadamente 292 dias. A partir disso, a atenção deve ser voltada para a anotação dos índices zootécnicos, pois só é possível fazer a previsão do parto se as datas de inseminação

Saiba mais

Exodontia em pequenos animais: cuidados ao extrair dentes caninos

Para a realização da exodondia são utilizados o osteótomo e o martelo para a retirada do osso alveolar. “Essa técnica precisa ser executada de forma cuidadosa devido à força empregada nos instrumentos bem próximos às áreas internas da boca”, explica Fernando Fernandes, professor do VET Profissional.

Saiba mais

Mastite: o que provoca este tipo de infecção?

A mastite pode ter causas diversas, mas a maior parte das vezes, é causada por bactérias que atingem o interior de um ou mais quartos da mama bovina através dos ductos localizados nos tetos. A real importância da mastite no sistema de produção de leite está relacionada a três fatores:

Saiba mais

Parasitologia veterinária: como os parasitas se disseminam?

“Essas zoonoses, como enfermidades naturalmente transmissíveis entre os animais e o homem, representam uma importante ameaça à saúde e ao bem-estar da população”, explica a professora Mariana Costa, do VET Profissional.

Saiba mais

Animal com afecção no trato urinário: qual a importância da resenha e da anamnese?

O sistema urinário é complexo e formado por órgãos essenciais para a manutenção do organismo. Além da produção de urina, também é responsável pela manutenção da homeostase e produção de hormônios.

Saiba mais

Programa de vigilância epidemiológica na propriedade rural: quais fatores devem ser analisados e seguidos para obter sucesso?

O programa de vigilância epidemiológica em uma propriedade rural permite o acompanhamento do status sanitário do rebanho, ajusta os dados de produção ao ideal, previne o plantel de doenças, planeja o calendário de vacinação e de monitoramento do rebanho e permite melhorar a gestão e a renda da propriedade rural diminuindo perdas e doenças.

Saiba mais

Injúria renal aguda (IRA) em animais domésticos: como diagnosticar?

A injúria renal aguda (IRA) pode ser caracterizada pelo declínio rápido, abrupto, sustentado e reversível da função renal por um período de dias a semanas. A IRA trata-se então de uma disfunção renal decorrente de uma lesão aguda.

Saiba mais

Paciente canino diagnosticado com Diabetes Mellitus: e agora?

A diabetes pode causar aumento da taxa de glicemia acarretando complicações no coração, nas artérias, olhos, rins e nervos. Em casos mais graves, pode levar à morte.

Saiba mais

Raiva: conheça essa zoonose de alta taxa de mortalidade

Dentre as diversas zoonoses existentes no Brasil, a Raiva talvez seja a mais conhecida. Contudo, essa é uma doença que preocupa todas as sociedades humanas. Ao longo da história, sua gravidade e abrangência geraram uma série de campanhas para combate e controle.

Saiba mais

Imunocastração de suínos: você conhece esse procedimento?

“A imunocastração consiste na castração química do suíno na fase de terminação com a finalidade de impedir que o odor e gosto desagradáveis da carne suína cheguem ao paladar do consumidor”, explica Mariana Costa Fausto, Médica Veterinária e Professora do VET Profissional, que é Mestre em Medicina Veterinária e Doutora em Medicina Veterinária Preventiva – Saúde Animal e Programas Sanitários.

Saiba mais

Mannheimia: conheça esse gênero que causa doenças em animais

A família Pasteurellaceae também está dentro dos gêneros Actinobacillus, Haemophilus e Pasteurella Mannheimia.

Saiba mais

Afecções do sistema locomotor de bovinos: conheça 10 problemas que podem ocorrer devido a essas afecções

As claudicações são as manifestações que causam grande dor e estresse ao bovino, comprometendo a saúde e o bem-estar do mesmo. A observação dos fatores de risco para o sistema locomotor dos bovinos, dentro das propriedades, mostra qual a probabilidade de encontrar as afecções e as principais lesões.

Saiba mais

Microrganismos encontrados no corpo de um animal é sinal de doença?

Os microrganismos são ubíquos, isto é, estão presentes em todas as áreas, seja no solo, no ar, na pele, no cabelo e em todos os ambientes. Mesmo aqueles em que, muitas vezes, se imagina nem haver vida, há a presença de microrganismos. O corpo humano, por exemplo, é todo colonizado por microrganismos.

Saiba mais

Saculite em cães: como diagnosticar?

A saculite, também conhecida como doença do saco anal, é um distúrbio que ocorre na área anal de pequenos animais, comum em cães, mas rara em gatos.

Saiba mais

Listeria: você conhece esse microrganismo que afeta tanto animais e quanto humanos?

O gênero Listeria foi descoberto em 1920, isolado de amostras de alimentos. Ele apresenta uma incidência enorme de casos nos EUA. No Brasil é uma enfermidade subdiagnosticada e subnotificada, pela dificuldade de isolamento. As infecções causadas são assintomáticas, ocorrem em todas as idades e, em mulheres grávidas, pode causar aborto e, ou má formação fetal.

Saiba mais

Manejo de aves criadas em cativeiro: o que um veterinário deve saber?

A classe das aves possui grande variação e se diferencia tanto no aspecto morfológico quanto no alimentar e comportamental. É de extrema importância que o clínico conheça o manejo adequado de cada classe e o objetivo da criação para identificar as estratégias de manejo ou possíveis falhas no manejo quando a ave apresenta alguma patologia.

Saiba mais

Cistotomia em animais: como chegar a um diagnóstico para a realização desse procedimento?

O diagnóstico de doença da bexiga é essencial para que se possa iniciar o procedimento cirúrgico. O diagnóstico pode ser realizado por meio do histórico do animal junto com o exame de palpação.

Saiba mais