Resultados da busca para "estado nutricional de equinos"

Inseminação Artificial Equina com sêmen resfriado: 5 dicas de sucesso

A Inseminação Artificial em equinos é largamente praticada em todo o mundo, e a maneira mais comumente usada nessa espécie é mediante o resfriamento e transporte de sêmen (LOOMIS, 2006). Aparentemente, no mundo, os países que mais realizam IA com sêmen resfriado transportado são Estados Unidos, seguido pelo Brasil (PAPA et al., 2008). Quando a técnica é executada corretamente, o sêmen a fresco alcança índices de concepção semelhantes aos obtidos com a monta natural.

Saiba mais

Precisando aferir a frequência cardíaca em equinos? Saiba como

Para mensurar a frequência cardíaca e respiratória em equinos, é preciso uma condição ideal em que esses animais sejam mantidos em repouso e em temperatura ambiente. O número de batimentos cardíacos por minuto (BPM) em equinos saudáveis é de 28-40.

Saiba mais

Precisa anestesiar equinos? Saiba como!

Se você precisa anestesiar um equino para uma cirurgia, saiba que o primeiro passo é realizar uma rápida avaliação física do animal, a fim de mensurar o peso, a frequência cardíaca e respiratória, o TPC e a coloração da mucosa. Essa avaliação deve ser realizada antes de qualquer anestesia, seja a campo ou em ambiente hospitalar.

Saiba mais

Anemia infecciosa equina: saiba mais sobre essa doença

A anemia infecciosa equina (AIE) é uma doença de etiologia viral causada por um retrovírus da subfamília Lentivirinae, família Retroviridae. “A transmissão se dá a partir da transferência de sangue ou derivados sanguíneos contaminados, seja por via fômite ou por picadas de insetos, e ainda de forma intrauterina e seminal”, explica Maria Gazzinelli, Professora do VET Profissional.

Saiba mais

Aves em estado crítico: o que o veterinário deve fazer?

As aves quando chegam em clínicas, geralmente, já se encontram em estado crítico. “Elas são pacientes diferentes, não são como os cães e os gatos, porque mascaram os sinais clínicos de doenças. Devido a isso, os seus responsáveis normalmente não percebem quando elas começam a adoecer e a doença se agrava”, explica Letícia Bergo Coelho Ferreira, Professora do VET Profissional.

Saiba mais

Dissecação de músculos do braço de equinos: como fazer

Ao adentrarmos ao processo de dissecação de músculos do braço de equinos, explica Marcelo Santana, professor do VetProfissional, o primeiro músculo a ser observado é o músculo tríceps braquial formado por cabeça lateral e cabeça longa.

Saiba mais

Manejo do botijão criogênico: cuidados simples para inseminações bem-sucedidas

A inseminação artificial é a técnica reprodutiva mais utilizada nas criações equinas atualmente, pois controlar a qualidade do sêmen e a sanidade das éguas é essencial para a obtenção de animais geneticamente superiores. Embora haja muitos aspectos que colaboram para o bom resultado da inseminação, existe um que nem sempre recebe a seriedade merecida: o manejo do botijão criogênico. Manuseá-lo incorretamente ou mantê-lo em condições inadequadas pode inviabilizar as doses de sêmen, gerando perda de tempo e, principalmente, de dinheiro.

Saiba mais

Ao parir, qual espécie tem mais facilidade: equinos ou bovinos?

Comparando as espécies, bovinos e equinos, vemos que a égua tem mais facilidade de parto do que a vaca. É mais comum, portanto, nos depararmos com um caso de problema de parto em uma vaca do que de uma égua. Existem algumas estruturas anatômicas envolvidas no parto que fazem com que haja essa maior dificuldade no parto da vaca do que no da égua, como veremos a seguir:

Saiba mais

Bovinos e equinos: você conhece a fisiologia bucal desses animais?

O aparelho digestório, que é constituído por boca, faringe, esôfago, estômago, intestino delgado, intestino grosso e ânus, é responsável por garantir ao organismo o aproveitamento de todos os nutrientes presentes nos alimentos. “Esse aparelho se inicia pela boca, que é responsável pela apreensão e transformação física do alimento por meio do processo de mastigação, insalivação e deglutição”, explica a Dr.ª Waleska de Melo, professora do VET Profissional.

Saiba mais

Sêmen de garanhões: como fazer a coleta de forma adequada?

A inseminação artificial é uma técnica que permite maior eficiência na reprodução equina. “No entanto, para alcançar essa eficiência, é preciso coletar e avaliar o sêmen que será utilizado no processo, observando os critérios: número de espermatozoides, porcentagem de concentração, padrões de motilidade e vigor”, explica Maria Gazzinelli, professora do VET Profissional.

Saiba mais

Tendinite crônica em equinos: quais são os exames específicos para esse diagnóstico?

Quando se recebe um animal com histórico de claudicação, além dos exames gerais, deve-se realizar exames físicos específicos.

Saiba mais

Orquiectomia em equinos: quais os cuidados necessários para realizar esse procedimento?

A orquiectomia consiste no procedimento cirúrgico de remoção da gônada e de alguns de seus anexos. Trata-se de uma cirurgia realizada com grande frequência na espécie equina.

Saiba mais

Linfonodos equinos: como examinar corretamente e o que observar

A avaliação dos linfonodos é feita comparando-se um linfonodo ao linfonodo do antímero contrário, ou seja, linfonodos esquerdo e direito. Sempre que possível, deve-se palpar os dois linfonodos juntos para que o Veterinário perceba alterações.

Saiba mais

Exame ginecológico em éguas: importância, etapas e quando fazer

Apesar de a fertilização e gestação serem o núcleo do processo de reprodução animal, os criadores, baseados em inúmeras pesquisas científicas, entenderam que a obtenção de animais de alto desempenho genético só seria possível mediante valorização de todas as etapas que compõem o manejo reprodutivo. Em relação à criação de equinos, uma dessas etapas que se mostra fundamental é o exame ginecológico completo da égua antes da estação reprodutiva.

Saiba mais

Medicina veterinária? Apresento-lhe a Orquiectomia, vulgo castração!

A orquiectomia, popularmente conhecida como castração, consiste no procedimento cirúrgico de remoção da gônada do animal e de alguns de seus anexos. Trata-se de uma cirurgia realizada com grande frequência, principalmente na espécie equina, e é uma das causas mais comuns de processos legais contra veterinários nos Estados Unidos, devido a erros de conduta e falhas na aplicação da técnica.

Saiba mais

Saneamento básico: de quem é essa responsabilidade?

No Brasil, a falta de saneamento básico afeta mais as áreas mais pobres, agravando quadros epidemiológicos e de doenças infecciosas, sendo as crianças as maiores vítimas desse problema. “O saneamento básico é de responsabilidade do Estado e deve ficar sob sua supervisão, pois, tem como objeto a promoção da saúde e necessita de alto investimento”, explica o Prof. Dr. Marcelo Dias da Silva, do VET Profissional. Nesse caso, o ponto chave não pode ser o lucro.

Saiba mais

Equinos com carrapatos: como fazer o controle?

Os carrapatos são os principais ectoparasitas de equinos e correspondem ao maior desafio de contingência na criação e também em relação ao plano de biosseguridade.

Saiba mais

Dirofilaria immitis: você conhece esse nematelminto e seus prejuízos para os animais?

Como representante da família Onchocercidae, destaca-se a espécie Dirofilaria immitis, que possui como hospedeiros definitivos o cão, o gato, os carnívoros silvestres, os equinos, os primatas e, raramente, o homem. “Os hospedeiros intermediários são os mosquitos dos gêneros Aedes spp., Anopheles spp., Culex spp. e Ctenocephalides canis”, explica a professora Mariana Costa, do VET Profissional.

Saiba mais

O que é Neonatologia Veterinária?

Dentro da medicina veterinária são vários os ramos em que o médico veterinário pode se especializar. Pediatria e especialização em equinos, são algumas dessas especializações. Assim como para nós, humanos, também existe uma especialização veterinária que cuida da mãe e observa o comportamento da ninhada: a Neonatologia Veterinária.

Saiba mais

Diagnóstico gestacional em éguas: como realizar essa etapa do manejo reprodutivo?

Alguns dias após submeter a égua à inseminação artificial ou cobertura pelo garanhão, entra em vigor uma etapa do manejo reprodutivo fundamental não só para a saúde do animal e do feto, quanto para os negócios: o diagnóstico de gestação.

Saiba mais

Precisando fazer exame de urina em éguas? Saiba como!

A coleta de urina em éguas é feita por meio da cateterização vesical ou sondagem vesical. É importante, como primeira medida para a realização do procedimento, fazer a assepsia da vulva para retirar resíduos de fezes e evitar a contaminação ao introduzir a sonda na uretra dos equinos.

Saiba mais

Úbere abaixo da linha do jarrete é fator para a ocorrência de mastite

O posicionamento ideal de sustentação do úbere deve ser acima da linha do jarrete. Quando o úbere encontra-se abaixo da linha do jarrete fica evidente a frouxidão do sistema de suporte do úbere, especificamente, do ligamento lateral e da inserção anterior. “A ocorrência desse estado é devido ao número de lactações e à idade do animal”, afirma Paolo Antônio Dutra Vivenza, professor do VET Profissional. Observe, na imagem, o posicionamento do úbere abaixo da linha do jarrete.

Saiba mais

Anatomia sistemática da boca de animais: conheça as funções dos lábios e da bochecha dos animais domésticos

O aparelho digestório se inicia pela boca. A cavidade oral possui estruturas necessárias para apreensão, mastigação e deglutição do alimento ingerido. “A maioria das espécies de animais utilizam os lábios para realiza a apreensão e seleção dos alimentos”, explica Marcelo Lopes de Santana, professor do VET Profissional.

Saiba mais

Coleta de sangue em bovinos: quais materiais utilizar? Qual a via escolher?

Na espécie bovina, a coleta é feita primordialmente utilizando-se o acesso da veia jugular. Os bovinos são mais ariscos que os equinos. Caso o veterinário tenha dificuldades para fazer a coleta de sangue na veia jugular devido ao movimento do pescoço e da cabeça do animal, a coleta pode ser feita na veia coccígea localizada na cauda.

Saiba mais

Inseminação Artificial Equina com sêmen resfriado: 5 dicas de sucesso

A Inseminação Artificial em equinos é largamente praticada em todo o mundo, e a maneira mais comumente usada nessa espécie é mediante o resfriamento e transporte de sêmen (LOOMIS, 2006). Aparentemente, no mundo, os países que mais realizam IA com sêmen resfriado transportado são Estados Unidos, seguido pelo Brasil (PAPA et al., 2008). Quando a técnica é executada corretamente, o sêmen a fresco alcança índices de concepção semelhantes aos obtidos com a monta natural.

Saiba mais

Precisando aferir a frequência cardíaca em equinos? Saiba como

Para mensurar a frequência cardíaca e respiratória em equinos, é preciso uma condição ideal em que esses animais sejam mantidos em repouso e em temperatura ambiente. O número de batimentos cardíacos por minuto (BPM) em equinos saudáveis é de 28-40.

Saiba mais

Precisa anestesiar equinos? Saiba como!

Se você precisa anestesiar um equino para uma cirurgia, saiba que o primeiro passo é realizar uma rápida avaliação física do animal, a fim de mensurar o peso, a frequência cardíaca e respiratória, o TPC e a coloração da mucosa. Essa avaliação deve ser realizada antes de qualquer anestesia, seja a campo ou em ambiente hospitalar.

Saiba mais

Anemia infecciosa equina: saiba mais sobre essa doença

A anemia infecciosa equina (AIE) é uma doença de etiologia viral causada por um retrovírus da subfamília Lentivirinae, família Retroviridae. “A transmissão se dá a partir da transferência de sangue ou derivados sanguíneos contaminados, seja por via fômite ou por picadas de insetos, e ainda de forma intrauterina e seminal”, explica Maria Gazzinelli, Professora do VET Profissional.

Saiba mais

Aves em estado crítico: o que o veterinário deve fazer?

As aves quando chegam em clínicas, geralmente, já se encontram em estado crítico. “Elas são pacientes diferentes, não são como os cães e os gatos, porque mascaram os sinais clínicos de doenças. Devido a isso, os seus responsáveis normalmente não percebem quando elas começam a adoecer e a doença se agrava”, explica Letícia Bergo Coelho Ferreira, Professora do VET Profissional.

Saiba mais

Dissecação de músculos do braço de equinos: como fazer

Ao adentrarmos ao processo de dissecação de músculos do braço de equinos, explica Marcelo Santana, professor do VetProfissional, o primeiro músculo a ser observado é o músculo tríceps braquial formado por cabeça lateral e cabeça longa.

Saiba mais

Manejo do botijão criogênico: cuidados simples para inseminações bem-sucedidas

A inseminação artificial é a técnica reprodutiva mais utilizada nas criações equinas atualmente, pois controlar a qualidade do sêmen e a sanidade das éguas é essencial para a obtenção de animais geneticamente superiores. Embora haja muitos aspectos que colaboram para o bom resultado da inseminação, existe um que nem sempre recebe a seriedade merecida: o manejo do botijão criogênico. Manuseá-lo incorretamente ou mantê-lo em condições inadequadas pode inviabilizar as doses de sêmen, gerando perda de tempo e, principalmente, de dinheiro.

Saiba mais

Ao parir, qual espécie tem mais facilidade: equinos ou bovinos?

Comparando as espécies, bovinos e equinos, vemos que a égua tem mais facilidade de parto do que a vaca. É mais comum, portanto, nos depararmos com um caso de problema de parto em uma vaca do que de uma égua. Existem algumas estruturas anatômicas envolvidas no parto que fazem com que haja essa maior dificuldade no parto da vaca do que no da égua, como veremos a seguir:

Saiba mais

Bovinos e equinos: você conhece a fisiologia bucal desses animais?

O aparelho digestório, que é constituído por boca, faringe, esôfago, estômago, intestino delgado, intestino grosso e ânus, é responsável por garantir ao organismo o aproveitamento de todos os nutrientes presentes nos alimentos. “Esse aparelho se inicia pela boca, que é responsável pela apreensão e transformação física do alimento por meio do processo de mastigação, insalivação e deglutição”, explica a Dr.ª Waleska de Melo, professora do VET Profissional.

Saiba mais

Sêmen de garanhões: como fazer a coleta de forma adequada?

A inseminação artificial é uma técnica que permite maior eficiência na reprodução equina. “No entanto, para alcançar essa eficiência, é preciso coletar e avaliar o sêmen que será utilizado no processo, observando os critérios: número de espermatozoides, porcentagem de concentração, padrões de motilidade e vigor”, explica Maria Gazzinelli, professora do VET Profissional.

Saiba mais

Tendinite crônica em equinos: quais são os exames específicos para esse diagnóstico?

Quando se recebe um animal com histórico de claudicação, além dos exames gerais, deve-se realizar exames físicos específicos.

Saiba mais

Orquiectomia em equinos: quais os cuidados necessários para realizar esse procedimento?

A orquiectomia consiste no procedimento cirúrgico de remoção da gônada e de alguns de seus anexos. Trata-se de uma cirurgia realizada com grande frequência na espécie equina.

Saiba mais

Linfonodos equinos: como examinar corretamente e o que observar

A avaliação dos linfonodos é feita comparando-se um linfonodo ao linfonodo do antímero contrário, ou seja, linfonodos esquerdo e direito. Sempre que possível, deve-se palpar os dois linfonodos juntos para que o Veterinário perceba alterações.

Saiba mais

Exame ginecológico em éguas: importância, etapas e quando fazer

Apesar de a fertilização e gestação serem o núcleo do processo de reprodução animal, os criadores, baseados em inúmeras pesquisas científicas, entenderam que a obtenção de animais de alto desempenho genético só seria possível mediante valorização de todas as etapas que compõem o manejo reprodutivo. Em relação à criação de equinos, uma dessas etapas que se mostra fundamental é o exame ginecológico completo da égua antes da estação reprodutiva.

Saiba mais

Medicina veterinária? Apresento-lhe a Orquiectomia, vulgo castração!

A orquiectomia, popularmente conhecida como castração, consiste no procedimento cirúrgico de remoção da gônada do animal e de alguns de seus anexos. Trata-se de uma cirurgia realizada com grande frequência, principalmente na espécie equina, e é uma das causas mais comuns de processos legais contra veterinários nos Estados Unidos, devido a erros de conduta e falhas na aplicação da técnica.

Saiba mais

Saneamento básico: de quem é essa responsabilidade?

No Brasil, a falta de saneamento básico afeta mais as áreas mais pobres, agravando quadros epidemiológicos e de doenças infecciosas, sendo as crianças as maiores vítimas desse problema. “O saneamento básico é de responsabilidade do Estado e deve ficar sob sua supervisão, pois, tem como objeto a promoção da saúde e necessita de alto investimento”, explica o Prof. Dr. Marcelo Dias da Silva, do VET Profissional. Nesse caso, o ponto chave não pode ser o lucro.

Saiba mais

Equinos com carrapatos: como fazer o controle?

Os carrapatos são os principais ectoparasitas de equinos e correspondem ao maior desafio de contingência na criação e também em relação ao plano de biosseguridade.

Saiba mais

Dirofilaria immitis: você conhece esse nematelminto e seus prejuízos para os animais?

Como representante da família Onchocercidae, destaca-se a espécie Dirofilaria immitis, que possui como hospedeiros definitivos o cão, o gato, os carnívoros silvestres, os equinos, os primatas e, raramente, o homem. “Os hospedeiros intermediários são os mosquitos dos gêneros Aedes spp., Anopheles spp., Culex spp. e Ctenocephalides canis”, explica a professora Mariana Costa, do VET Profissional.

Saiba mais

O que é Neonatologia Veterinária?

Dentro da medicina veterinária são vários os ramos em que o médico veterinário pode se especializar. Pediatria e especialização em equinos, são algumas dessas especializações. Assim como para nós, humanos, também existe uma especialização veterinária que cuida da mãe e observa o comportamento da ninhada: a Neonatologia Veterinária.

Saiba mais

Diagnóstico gestacional em éguas: como realizar essa etapa do manejo reprodutivo?

Alguns dias após submeter a égua à inseminação artificial ou cobertura pelo garanhão, entra em vigor uma etapa do manejo reprodutivo fundamental não só para a saúde do animal e do feto, quanto para os negócios: o diagnóstico de gestação.

Saiba mais

Precisando fazer exame de urina em éguas? Saiba como!

A coleta de urina em éguas é feita por meio da cateterização vesical ou sondagem vesical. É importante, como primeira medida para a realização do procedimento, fazer a assepsia da vulva para retirar resíduos de fezes e evitar a contaminação ao introduzir a sonda na uretra dos equinos.

Saiba mais

Úbere abaixo da linha do jarrete é fator para a ocorrência de mastite

O posicionamento ideal de sustentação do úbere deve ser acima da linha do jarrete. Quando o úbere encontra-se abaixo da linha do jarrete fica evidente a frouxidão do sistema de suporte do úbere, especificamente, do ligamento lateral e da inserção anterior. “A ocorrência desse estado é devido ao número de lactações e à idade do animal”, afirma Paolo Antônio Dutra Vivenza, professor do VET Profissional. Observe, na imagem, o posicionamento do úbere abaixo da linha do jarrete.

Saiba mais

Anatomia sistemática da boca de animais: conheça as funções dos lábios e da bochecha dos animais domésticos

O aparelho digestório se inicia pela boca. A cavidade oral possui estruturas necessárias para apreensão, mastigação e deglutição do alimento ingerido. “A maioria das espécies de animais utilizam os lábios para realiza a apreensão e seleção dos alimentos”, explica Marcelo Lopes de Santana, professor do VET Profissional.

Saiba mais

Coleta de sangue em bovinos: quais materiais utilizar? Qual a via escolher?

Na espécie bovina, a coleta é feita primordialmente utilizando-se o acesso da veia jugular. Os bovinos são mais ariscos que os equinos. Caso o veterinário tenha dificuldades para fazer a coleta de sangue na veia jugular devido ao movimento do pescoço e da cabeça do animal, a coleta pode ser feita na veia coccígea localizada na cauda.

Saiba mais

Receba Mais Informações