Sr. Veterinário, saiba sobre a passagem de substâncias pelo organismo animal

A passagem de substâncias no organismo ocorre de acordo com as necessidades fisiológicas do animal representadas pela demanda de cada uma das células e tecidos-alvo

Sr. Veterinário, saiba sobre a passagem de substâncias pelo organismo animal   VetPrtofissional

A passagem de substâncias no organismo ocorre de acordo com as necessidades fisiológicas do animal representadas pela demanda de cada uma das células e tecidos-alvo. “O transporte através da membrana plasmática pode se dar de forma passiva por difusão ou por transporte ativo”, afirma Profª. Waleska de Melo Ferreira Dantas, Médica Veterinária e professora do VET Profissional, que é Doutora em Patologia Clínica Animal.


Transporte pela mambrana   Artigos VetProfissional

Características dos tipos de transporte pela membrana realizados por difusão simples e facilitada.

a) Difusão simples

- Movimento cinético das moléculas ou íons através de uma abertura na membrana, sem interação com proteínas carreadoras.
- Sua intensidade é determinada pela quantidade de substâncias disponíveis.
- Para realizar a difusão simples, as moléculas precisam apresentar alta lipossolubilidade. Uma das principais substâncias transportadas para o interior da célula via difusão simples é a água. Outras substâncias frequentemente transportadas por difusão simples são O2 e CO2.

b) Difusão facilitada

- Requer a interação com uma proteína transportadora.
- Promove uma ligação química com as moléculas que permite o transporte em movimentos de vaivém (entrada e saída do meio celular).

Glicose e aminoácidos são exemplos de substâncias transportadas por difusão facilitada. As moléculas dessas substâncias se unem a proteínas para que sejam transportadas do meio extracelular para o interior da célula e vice-versa. As proteínas que realizam esse tipo de transporte são denominadas proteínas carreadoras.

Atenção:


Nos processos de difusão simples e facilitada, as moléculas seguem o gradiente de concentração e são transportadas de acordo com a necessidade da célula. Por isso a difusão é considerada um processo passivo, pois não necessita de energia para que ocorra.


Aprenda mais sobre esse assunto na área Fisiologia Veterinária Funcional do VET Profissional, com a Prof.ª Dr.ª Waleska de Melo Ferreira Dantas, Doutora em Patologia Clínica Animal pela Universidade Federal de Viçosa e Mestre pela Universidade Federal de Viçosa. O VET Profissional é a plataforma de aperfeiçoamento mais completa para Médicos Veterinários e estudantes de Veterinária, com milhares de vídeos e centenas de livros digitais, para aprender rápido e salvar mais vidas. Tenha acesso ilimitado a centenas de aulas práticas, cursos online, casos clínicos e casos cirúrgicos na palma da sua mão!

Receba Mais Informações